Agência de classificação de risco Fitch rebaixa rating da França

LinkedIn

Londres, 12 de Julho de 2013 – A agência de classificação de risco de crédito Fitch reduziu nesta sexta-feira a nota da dívida soberana frances, retirando seu triplo A, devido à pesada carga da dívida e fracas perspectivas de crescimento.

A Fitch foi a última das três grandes agências a retirar o triplo A da França, reduzindo a nota do país para AA+, com perspectiva estável.

Em janeiro de 2012, a França já tinha perdido o rating máximo da escala da Standard & Poor’s. Já em novembro do ano passado, foi a vez da agência Moody’s rebaixar  a classificação dos títulos da dívida do governo da França em um grau, de Aaa para Aa1. Com a decisão, o rating soberano do país também deixou de ter a avaliação máxima na escala da Moody´s.

Entenda por que a nota da dívida soberana da França foi rebaixada

As perspectivas de crescimento econômico da França são afetadas por vários desafios estruturais. As perspectivas fiscais do país também são incertas diante da deterioração das perspectivas econômicas.

A revisão negativa do rating francês representa um revés para os esforços do presidente François Hollande para mostrar credibilidade do orçamento em face de uma economia estagnada, e aumenta a pressão sobre o governo para encontrar formas de reforçar o crescimento da segunda maior economia da Europa.

Deixe um comentário