05/12/13: Ibovespa em alta pela primeira vez em dezembro

LinkedIn

São Paulo, 05 de Dezembro de 2013 – AInda há vida no mercado brasileiro. E não é pra menos, após três dias seguidos de queda, sendo uma delas bastante intensa, era natural que o preço de algumas ações estivessem bem atrativos. Foi o que aconteceu no pregão desta quinta-feira, quando os investidores foram às compras e elevaram o Ibovespa para os 50.654 pontos, uma alta 1,14%.

Os destaques do dia foram Vale, Petrobras e as ações do setor de siderurgia (Usiminas, Gerdau e CSN). O setor ganhou impulso em meio a expectativas de aumento de preços de aço. As usinas estão pressionando por reajustes de 7% a 10% nos preços de contratos que costumam ser definidos ao final de cada ano junto às montadoras de veículos. O mercado comenta haver grande probabilidade de um novo aumento de preços de aço no começo do primeiro trimestre de 2014, diante da queda do real contra o dólar e preços internacionais estáveis, que têm reduzido a diferença entre os preços no Brasil e no exterior. Além disso, estoques em nível normal e expectativa de importações menores devem dar apoio para aumentos de 5% a 8% nos preços de aços planos e longos.

Em sentido oposto, BM&FBovespa ficou entre as principais queda, após a companhia ter informado que a Receita Federal negou seu recurso contra multa envolvendo amortização de ágio gerado pela incorporação de ações da Bovespa Holding.

O Ibovespa avançou apesar de dados mais fortes dos Estados Unidos terem reforçado o argumento para a retirada antes do esperado do programa de estímulos do banco central do país. A segunda leitura do Produto Interno Bruto (PIB) dos EUA do terceiro trimestre mostrou crescimento mais rápido, à taxa anual de 3,6%, ante 2,8% divulgados antes. Além disso, o número de norte-americanos que pediram auxílio-desemprego caiu inesperadamente na semana passada, num sinal de recuperação do mercado de trabalho.

 

Deixe um comentário