13 dos 27 estados brasileiros pesquisados pelo IBGE em Março de 2015 registraram aumento nas vendas no varejo

LinkedIn

Rio de Janeiro, 20 de Maio de 2015 – No terceiro mês do ano, as vendas no varejo brasileiro diminuíram 0,4% em comparação com o mesmo mês do ano anterior (série sem ajuste sazonal). Das 27 unidades da federação, 13 apresentaram variações positivas no volume de vendas na comparação entre março de 2015 e março de 2014.

Os principais destaques positivos foram: Roraima, com 22,5%; Acre, com 13,6%; Sergipe, com 7,4% e Rondônia, com 6,5%. Quanto às maiores participações positivas na composição da taxa do varejo, destacaram-se, pela ordem: Rio de Janeiro, com 4,2%; Santa Catarina, com 3,3%; e Paraná, com 2,4%. Em relação aos maiores impactos negativos no resultado global, os resultados foram: -8,3% em Mato Grosso; -0,4% em São Paulo; e -6,7% para Goiás.

Já os resultados de março de 2015 sobre o mês anterior (com ajuste sazonal), os resultados no Varejo foram negativos para 16 estados, ressaltando-se: Amazonas, com -3,3%; Rio de Janeiro (-3,1%); Pernambuco (-2,9%); e Paraíba, com -2,5%. As maiores taxas positivas ocorreram no Pará (2,2%); Roraima (1,4%); Acre e Santa Catarina, com 1,2%.

Quanto ao comércio varejista ampliado, dezesseis estados registraram resultados positivos, em termos de volume de vendas, na comparação com o mesmo período do ano anterior, destacando-se: Roraima (12,4%); Acre (10,1%); Sergipe (7,6%); e Rio Grande do Norte, com 7,1%. Os estados com maiores impactos positivos no resultado global do setor, foram os estados do Rio de Janeiro (2,9%); Minas Gerais (3,3%); e Ceará, com 2,9%. Entretanto as participações negativas de três estados na composição da taxa do varejo influenciaram o resultado negativo global (-0,7), a saber: São Paulo (-3,1%); Santa Catarina (-3,2%) e Rio Grande do Sul (-2,1%).

Notícias Relacionadas

– Brasil: Vendas no comércio varejista caíram 0,9% em Março de 2015

– IBGE: Vendas no varejo brasileiro decresceram em sete das dez atividades avaliadas em Março de 2015

 

Deixe um comentário