Maio de 2015 ficou marcado pela perda de liderança a Vale como a principal empresa exportadora do Brasil

LinkedIn

Rio de Janeiro, 23 de Junho de 2015 – A Petrobras foi a empresa que mais exportou no Brasil em maio de 2015, respondendo por 5,11% do valor exportado pelo país no período. No entanto, comparando o desempenho da empresa com maio de 2014, houve uma queda de 10,69% – quase metade da queda na exportação de óleo bruto de petróleo entre os dois meses (-19,91%). A Petrobras, a partir deste mês, passou a ocupar o lugar da Vale como a principal empresa exportadora brasileira.

No quinto mês do ano, a Petrobras (PETR3 e PETR4) vendeu US$ 857 milhões para o exterior – valor que representa 5,11% do total de vendas externas do país no período.

Confira todos os detalhes sobre as exportações brasileiras em Maio de 2015

Em segundo lugar, destaque para a Bunge Alimentos. Sua participação de 4,85% no valor total vendido pelo país somou US$ 813 milhões à balança comercial nacional em maio de 2015.

Diferente da Petrobras, na comparação com maio de 2014, a companhia registrou alta no valor total de vendas para o mercado externo: 23,38%. Na ocasião, a empresa vendera US$ 659 milhões para o exterior – o equivalente a 3,17% do valor total exportado pelo país.

Vale (VALE3 e VALE5), por sua vez, vendeu US$ 686milhões para o exterior em maio de 2015 – valor que representa 4,09% do total de vendas externas do país no período, e que garante o terceiro lugar dentre as principais empresas exportadoras do país.

Vale (VALE3 e VALE5) vendeu US$ 951 milhões entre minérios de ferro e outros produtos para o exterior. Em abril de 2014, a empresa exportara US$ 1,638 bilhão – o equivalente a 8,30% do valor total exportado pelo país naquele mês. As exportações da mineradora mantiveram sua forte trajetória de queda, diminuindo 65,69% na comparação entre maio de 2015 e 2014.

Outras empresas, cujas ações são negociadas na bolsa de valores brasileira, estão na lista das quarenta maiores exportadoras do país em abril de 2015: BRF (BRFS3), Braskem (BRKM3BRKM5 e BRKM6), CSN (CSNA3), Embraer (EMBR3), JBS (JBSS3), Suzano Papel e Celulose (SUZB3SUZB5 e SUZB6), Fibria Celulose (FIBR3), Gerdau (GGBR3 e GGBR4) e Minerva (BEEF3).

Confira a lista completa das principais empresas exportadoras do Brasil em Maio de 2015

A lista completa de pessoas jurídicas que realizaram algum tipo de transação comercial internacional nos cinco primeiros meses de 2015 possui 14.788 empresas. Dessas, apenas 123 registraram vendas superiores a US$ 100 milhões no período. O valor total vendido por essas cento e vinte e três empresas totalizou US$ 49,848 bilhões entre janeiro e maio deste ano – o equivalente a 66,73% do total vendido pelo país no exterior.

Nos primeiros cinco meses de 2014, a lista completa possuía 14.595 nomes, com 133 empresas registrando vendas superiores a US$ 100 milhões. O valor total vendido por essas empresas (US$ 63,210 bilhões) representou 70,18% do valor total vendido pelo país naquele período.

Notícias Relacionadas

– Exportações brasileiras obtém pior mês de Maio desde 2010

– Maio de 2015 ficou marcado pela perda de liderança a Vale como a principal empresa exportadora do Brasil

– Em Maio de 2015, China manteve a dianteira na lista dos principais países compradores das exportações brasileiras

– Em Maio de 2015, a soja manteve-se como o principal produto de exportação do Brasil

– Brasil: vendas de produtos básicos lideram as perdas das exportações brasileiras em Maio de 2015

– Todas as regiões brasileiras registraram quedas de exportação em Maio de 2015. Região Norte registrou a maior queda

– Balança Comercial: exportações para China caem 18,15% em Maio de 2015

Deixe um comentário