Dilma lamenta morte de pilotos e executivos do Bradesco em acidente aéreo

LinkedIn

A presidenta Dilma Rousseff divulgou hoje (11) nota de pesar lamentando a morte de dois executivos do Bradesco e dois pilotos em um acidente aéreo nessa terça-feira (10). O avião, que saiu de Brasília com destino a São Paulo, caiu perto da cidade de Guarda-Mor, na região noroeste de Minas Gerais.

“Além dos pilotos, Ivan Morenilla Vallim e Francisco Henrique Tofoli Pinto, apresento as condolências do governo pelas mortes dos dois executivos do Bradesco que também estavam na aeronave”, disse a presidenta.

Entre as quatro vítimas estão o vice-presidente do banco, Marco Antônio Rossi, cotado para assumir o comando da instituição financeira a partir de 2017, e o presidente do Bradesco Vida e Previdência, Lúcio Flávio Conduru de Oliveira.

“Marco Antonio Rossi dedicou 34 anos ao Bradesco, eventualmente substituindo o atual presidente. Ele e Lúcio Flávio de Oliveira, diretor geral da instituição, cumpriram papel fundamental na trajetória de uma organização que sempre acreditou no Brasil”, acrescentou a nota.

Editor Armando Cardoso

Deixe um comentário