Ibovespa fecha em queda de quase cinco por cento nesta terça-feira

LinkedIn

O principal índice de ações da Bolsa de valores de São Paulo recuou com força nesta terça-feira, acumulando perdas de quase cinco por cento no encerramento do pregão. Grande parte dos ativos que compõem o indicador seguiu o forte viés negativo vislumbrado nos mercados globais, conforme os preços do petróleo voltaram a cair por preocupações com o excesso de oferta. No Brasil, a volta das atividades parlamentares também ocupou o foco dos investidores.

Em 2016, após vinte e uma sessões de negociações, o Ibovespa acumula uma desvalorização de 6,40%. No segundo mês do ano, após dois pregões, o índice de ações acumula uma forte baixa de 4,79%.

 

Ibovespa Hoje

O Ibovespa caiu 4,87% nesta terça-feira, 02 de Fevereiro de 2016, fechando cotado em 38.596,17 pontos. Ao longo do dia, o principal índice de ações do Brasil oscilou entre 38.745,86 pontos (valor mínimo) e 40.563,78 pontos (valor máximo). No último pregão, o principal índice de ações da Bolsa de Valores de São Paulo ganhou 0,41%, encerrando o dia cotado a 40.570,04 pontos.

A desvalorização desta terça-feira foi a maior queda percentual diária desde 08 de Agosto de 2011, quando o Ibovespa perdeu 8,08%.

O volume financeiro total movimentado durante o dia pelos ativos componentes do Ibovespa foi de R$ 3,950577 bilhões.

 

Cenário Externo

Nesta terça-feira, os investidores reagiram negativamente a mais uma queda dos preços do barril de petróleo negociado nas bolsas de mercadorias e futuros internacionais.

Após uma forte recuperação na semana passada, os preços do petróleo voltaram a cair nesta semana, conforme vão diminuindo as esperanças de um acordo com o objetivo de reduzir a produção global da commodity.

A queda dos preços do petróleo vem deprimindo o apetite dos investidores por ativos de países e empresas exportadoras de commodities.

Na Ásia, a bolsa de valores chinesa fechou em alta de 2,29%, puxada por ganhos com ações de empresas com menor valor de mercado, em dia de poucos negócios. As demais de valores do continente caíram, afetadas pela forte queda no preço do petróleo no mercado internacional.

 

– China: +2,29%

– Hong Kong: -0,76%

– Cingapura: -0,89%

– Austrália: -1,00%

– Coreia do Sul: -0,95%

– Taiwan: -0,32%

– Japão: -0,64%

 

Na Europa, as principais bolsas de valores fecharam em forte queda.

 

– França: -2,47%

– Inglaterra: -2,28%

– Alemanha: -1,81%

– Itália: -3,05%

– Espanha: -2,96%

– Portugal: -1,98%

 

O Dow Jones, principal índice de ações dos Estados Unidos fechou em baixa de 1,80%, cotado em 16.153,54 pontos.

 

Cenário Interno

No Brasil, os investidores voltaram a ficar cautelosos com o fim do recesso parlamentar e a retomada do processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff.

A visita de representantes da agência de classificação de risco Moody’s ao Brasil nesta terça-feira também atraiu as atenções. A Moody’s colocou em Dezembro o grau de investimento brasileiro em revisão para rebaixamento, o que normalmente significa que uma ação pode ser tomada em um período de 90 dias.

A agência é a única das três maiores do setor que ainda mantém o Brasil como grau de investimento. O selo de bom pagador foi retirado do país pela Standard & Poor’s, em Setembro, e pela Fitch, em Dezembro.

A agenda econômica endossou as perdas registradas na bolsa de valores, após dados sobre a produção industrial acentuarem o quadro de deterioração da atividade no Brasil, mostrando uma contração de 8,3% em 2015, o pior resultado da história.

 

Petrobras

As ações ordinárias da Petrobras (PETR3), que fornecem a seus detentores o direito a voto em assembléia da companhia, tiveram baixa de 8,51%, fechando cotadas a R$ 6,02. Já as ações preferenciais (PETR4), com prioridade na distribuição de dividendos, perderam 8,90%, cotadas a R$ 4,30. Ambas foram influenciados pela queda do preço do petróleo.

 

Vale

As ações preferenciais da mineradora (VALE5) caíram 9,38%, cotadas a R$ 6,57. Por outro lado, as ações ordinárias da companhia (VALE3) perderam 9,47%, encerrando o dia valendo R$ 8,60.

 

Composição o Ibovespa em 02 de Fevereiro de 2016

ATIVO ULT OFC OFV MAX MIN VAR VAR
ABEV3 17,98 17,94 17,99 18,40 17,92 -0,42 -2,28%
BBAS3 13,10 13,10 13,11 13,87 13,07 -1,06 -7,49%
BBDC3 19,00 19,00 19,03 19,69 19,00 -0,82 -4,11%
BBDC4 17,85 17,84 17,87 18,40 17,77 -0,75 -4,05%
BBSE3 22,50 22,50 22,69 23,35 22,32 -1,00 -4,26%
BRAP4 3,10 3,10 3,16 3,33 3,09 -0,28 -8,28%
BRFS3 47,85 47,81 47,94 48,76 47,45 -0,78 -1,60%
BRKM5 22,90 22,89 22,90 23,55 22,55 -0,64 -2,72%
BRML3 11,60 11,60 11,62 11,94 11,60 -0,40 -3,33%
BVMF3 10,20 10,15 10,20 10,44 10,12 -0,27 -2,58%
CCRO3 12,06 12,03 12,34 12,67 12,06 -0,59 -4,66%
CESP6 12,75 12,75 13,00 13,38 12,75 -0,58 -4,35%
CIEL3 31,20 31,19 31,20 32,00 30,55 -2,15 -6,45%
CMIG4 5,25 5,25 5,28 6,48 5,25 -1,40 -21,05%
CPFE3 15,88 15,80 15,95 16,45 15,88 -0,61 -3,70%
CPLE6 20,95 20,95 21,15 22,00 20,94 -1,10 -4,99%
CSAN3 24,60 24,40 24,63 25,25 24,44 -0,51 -2,03%
CSNA3 3,77 3,75 3,80 3,95 3,65 0,02 0,53%
CTIP3 37,25 37,25 37,56 38,58 37,25 -1,20 -3,12%
CYRE3 7,35 7,31 7,35 7,36 7,10 0,05 0,68%
ECOR3 3,93 3,87 3,93 4,03 3,80 -0,12 -2,96%
EMBR3 27,26 27,24 27,41 28,53 27,26 -1,47 -5,12%
ENBR3 11,91 11,81 11,93 12,07 11,81 -0,24 -1,98%
EQTL3 35,65 35,53 35,67 36,56 35,33 -0,70 -1,93%
ESTC3 11,32 11,30 11,50 11,84 11,25 -0,33 -2,83%
FIBR3 40,03 40,01 40,05 42,06 40,03 -1,77 -4,23%
GGBR4 3,75 3,75 3,76 4,06 3,70 -0,05 -1,32%
GOAU4 1,16 1,16 1,17 1,26 1,15 0,01 0,87%
HGTX3 12,96 12,96 12,97 13,19 12,76 -0,22 -1,67%
HYPE3 23,52 23,50 23,52 23,94 23,17 -0,08 -0,34%
ITSA4 6,35 6,35 6,37 6,64 6,35 -0,57 -8,24%
ITUB4 23,64 23,25 23,28 24,50 23,25 -1,83 -7,18%
JBSS3 10,06 10,00 10,06 10,64 9,95 -0,71 -6,59%
KLBN11 19,59 19,45 19,75 20,00 19,41 -0,64 -3,16%
KROT3 8,63 8,63 8,64 8,96 8,57 -0,28 -3,14%
LAME4 17,30 17,29 17,60 18,24 17,30 -1,09 -5,93%
LREN3 17,57 17,53 17,60 18,18 17,11 -0,49 -2,71%
MRFG3 5,96 5,95 6,01 6,22 5,90 -0,16 -2,61%
MRVE3 9,10 9,09 9,13 9,18 8,97 -0,05 -0,55%
MULT3 41,93 41,67 42,09 42,56 41,51 -0,50 -1,18%
NATU3 23,49 23,39 23,64 23,87 22,88 0,24 1,03%
OIBR3 2,00 2,00 2,01 2,09 1,97 -0,12 -5,66%
PCAR4 38,00 38,00 38,05 39,99 36,92 -0,91 -2,34%
PETR3 6,02 6,02 6,10 6,55 6,02 -0,56 -8,51%
PETR4 4,30 4,30 4,31 4,65 4,30 -0,42 -8,90%
QUAL3 13,35 13,35 13,50 14,15 13,35 -0,65 -4,64%
RADL3 42,25 42,19 42,38 42,77 41,80 -0,10 -0,24%
RENT3 22,00 21,71 22,00 22,59 21,83 -0,45 -2,00%
RUMO3 1,85 1,85 1,86 2,07 1,81 -0,14 -7,04%
SANB11 12,48 12,48 12,54 13,09 12,48 -0,77 -5,81%
SBSP3 20,70 20,68 20,72 21,01 20,52 -0,64 -3,00%
SMLE3 30,00 29,79 30,08 30,86 28,76 -0,05 -0,17%
SUZB5 14,15 14,15 14,30 15,02 14,13 -0,73 -4,91%
TBLE3 33,01 33,01 33,26 34,04 32,72 -0,85 -2,51%
TIMP3 6,08 6,07 6,14 6,39 6,07 -0,35 -5,44%
UGPA3 56,77 56,77 56,91 58,07 56,77 -1,71 -2,92%
USIM5 0,94 0,94 0,95 1,03 0,93 -0,02 -2,08%
VALE3 8,60 8,59 8,68 9,31 8,60 -0,90 -9,47%
VALE5 6,57 6,57 6,58 7,13 6,57 -0,68 -9,38%
VIVT4 33,52 33,52 33,65 34,14 33,06 -0,88 -2,56%
WEGE3 14,46 14,46 14,57 15,07 14,46 -0,62 -4,11%

 

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.