Semana terá desemprego, contas externas, IGP-M, resultado primário e PIB dos EUA

LinkedIn

Na última semana da campanha eleitoral nos municípios, a agenda política deve ser esvaziada, com o Congresso tendo pouca movimentação. Na economia, os destaques entre os indicadores serão a Pnad Contínua, com os dados de emprego no Brasil, que será divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) na sexta-feira e o Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) de setembro pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) na terça-feira. O Conselho Monetário Nacional se reunirá na próxima semana. O resultado primário do governo central será divulgado na quinta-feira.

No exterior, atenções para os discursos de diretores do Federal Reserve e da presidente da instituição, Janet Yellen, que falará em dois momentos na semana, na quarta e na quinta-feira. Destaque também para a divulgação da terceira estimativa para o Produto Interno Bruto (PIB) americano no segundo trimestre e o PIB do Reino Unido no mesmo período.

Segunda-feira, 26:
Na segunda-feira o Banco Central divulga mais uma edição do Boletim Focus, que traz as perspectivas do mercado sobre os principais indicadores econômicos do país. No mesmo dia, o BC divulga notas à imprensa sobre as transações correntes e dos investimentos diretos no país, ambos no mês de agosto. O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) publica a balança comercial semanal. No exterior, na segunda-feira será publicado o indicador de clima de negócios da Alemanha em setembro. Nos Estados Unidos serão divulgados números sobre as vendas de novas moradias em agosto. Discursa pelo Federal Reserve Robert Kaplan de Dallas. Na China, atenções para os lucros totais da indústria em agosto.

Terça-feira, 27:
A Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) divulga o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de setembro. A Fundação Getulio Vargas publica na terça-feira as sondagens do consumidor e da construção em setembro. No mesmo dia, a FGV divulga o Índice Nacional do Custo da Construção – M (INCC-M) de setembro. A consultoria LCA estima uma alta de 0,38% na comparação mensal. O Banco Central divulga o relatório trimestral de inflação relativo ao terceiro trimestre do ano. Nos Estados Unidos, o Markit divulga a prévia dos PMIs de serviços e composto de setembro. A Standard & Poor’s divulga a pesquisa de preços residenciais de julho. Destaque também para a confiança do consumidor em setembro.

Quarta-feira, 28:
Na quarta-feira, a FGV divulga a sondagem da indústria brasileira em setembro. No mesmo dia, o Banco Central publica dados sobre o fluxo cambial semanal e uma nota à imprensa sobre a política monetária e operações de crédito do governo em agosto. A Comissão Técnica da Moeda e do Crédito (Comoc) se reúne na quarta. No exterior, a Alemanha conhece seus dados sobre a confiança do consumidor em outubro. Nos Estados Unidos, serão conhecidos os números dos estoques de petróleo bruto. Dia cheio de discursos pelo Federal Reserve. Falam na quarta James Bullard de St. Louis, Charles Evans, de Chicago, Loretta Mester, de Cleveland, e Esther George do Kansas.

Quinta-feira, 29:
O principal destaque da quinta-feira será o Índice de Preços ao Consumidor-Mercado (IGP-M) de setembro divulgado pela FGV. A expectativa da consultoria LCA é de uma alta de 0,22% no mês, levando o acumulado do ano para 10,69%. O Banco Central divulga uma nota à imprensa sobre o mercado aberto em agosto. A Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) publica seu indicador de nível de atividade em agosto. O Conselho Monetário Nacional (CMN) se reúne na quinta-feira. A agenda internacional será cheia de eventos, começando pela divulgação da taxa de desemprego e a prévia dos preços ao consumidor na Alemanha, ambos de setembro. Na zona do euro, destaque para o indicador de confiança na economia em setembro. Nos Estados Unidos, destaque para a divulgação do resultado do PIB no segundo trimestre. Serão divulgados também os números da balança comercial americana e a prévia dos estoques no atacado de agosto. Discursam pelo Fed Dennis Lockhart de Atlanta, Esther George do Kansas, além da presidente Janet Yellen e do diretor Jerome Powell. Na China, atenções voltadas para os números do PMI do Caixin.

Sexta-feira, 30:
No último dia de setembro, o IBGE divulga a Pnad Contínua, com os números do desemprego no país. A consultoria LCA projeta que o desemprego tenha fechado agosto em 11,66%. A FGV divulga suas sondagens de comércio e serviços de setembro. No Banco Central, destaque para a divulgação do Resultado Primário de agosto. A Confederação Nacional da Indústria (CNI) publica o Índice Nacional de Expectativas do Consumidor em setembro. Na Europa serão publicados indicadores importantes. No Reino Unido, números do PIB britânico no segundo trimestre. Na zona do euro, o Eurostat divulga a taxa de desemprego na região em agosto e o índice de preços ao consumidor em setembro. Nos Estados Unidos, divulgação de dados sobre o consumo pessoal do americano, além do índice de perfuração de poços em setembro. Na China, destaque para o PMI industrial e de serviços de setembro.

Deixe um comentário