Procon-SP: diferença de preço de brinquedos é de até 126%

LinkedIn

Uma pesquisa elaborada pelo Procon comparou os preços de produtos no Dia das Crianças e constatou que a diferença de preços para um mesmo brinquedo pode chegar a 126% entre as lojas. Ao todo, foram pesquisados os preços de 113 brinquedos, bicicletas, bonecas/bonecos, jogos, massas de modelar, entre outros, em dez lojas distribuídas pelas cinco regiões da cidade de São Paulo.

Ordem é bater perna 

O estudo aponta que a prática de pesquisar antes de pagar pode ser um grande aliado do consumidor na hora das compras. A maior diferença constatada pelo Procon foi nas bonecas da Coleção Frutinhas fabricadas pela Cotiplás. O maior preço encontrado foi de R$ 44,99 e o menor, R$ 19,90. A diferença, de R$ 25,09, equivale a 126,08%.

Presente 7,42% mais caro

Na comparação com os preços do ano passado para 44 dos produtos analisados pela entidade, constatou-se que houve, em média, um acréscimo de 7,42% no preço dos brinquedos.

Com o resultado da pesquisa, o Procon-SP orienta o consumidor a pesquisar muito e sempre avaliar não somente o preço, mas também verificar se o item traz informações adequadas, claras e em língua portuguesa sobre suas características, qualidades, quantidade, origem, composição, preço e garantia.

O post Procon-SP: diferença de preço de brinquedos é de até 126% apareceu primeiro em Arena do Pavini.

Deixe um comentário