Legado de Dilma ceifou 7,4% do PIB real nos últimos sete trimestres

LinkedIn

Legado de Dilma ceifou 7,4% do PIB real nos últimos sete trimestres

O legado do governo Dilma Rousseff ceifou 7,4% do PIB real do Brasil nos últimos sete trimestres e levou o país para uma taxa de desemprego de 12%, ressalta o canadense Scotia Bank em um relatório publicado nesta semana e assinado pelo economista Pablo F.G. Bréard.

“A correção dos desequilíbrios macroeconómicos (fiscais e externos) facilitará uma recuperação gradual. O investimento em infraestrutura será um importante motor de crescimento”, explica o banco.

Percepção global

O Scotia lembra que a percepção positiva global sobre o Brasil melhorou muito e pode ser vista tanto pelo desempenho do real em relação ao dólar (o melhor desempenho em um ano) quanto pela expressiva queda do seguro contra o calote da dívida brasileira de cinco anos, que passou de 500 pontos-base para 220 pontos-base.

“No entanto, todas as agências de classificação de crédito internacionais mantêm uma ‘perspectiva negativa’ nas classificações de dívida soberana do Brasil. Neste sentido, o progresso sustentado na consolidação fiscal e na melhoria da qualidade do crédito será o cerne do sentimento dos investidores no próximo ano”, ressalta Bréard.

Gustavo Kahil
28/02/2017 – 11:43

https://www.linkedin.com/company/moneytimes

Deixe um comentário