Ação da Gerdau é oportunidade de curto prazo, diz BTG

LinkedIn

O mercado ainda não precificou uma nova rodada de aumento nos preços do aço prevista para setembro nas ações da Grerdau (BOV:GGBR4), avalia o BTG Pactual em um relatório enviado a clientes nesta quarta-feira (30/08). Segundo os analistas Leonardo Correa e Gerard Roure, o aumento é o segundo este ano após o reajuste de 10% para julho e agosto.

“A boa notícia é que confirmamos esse fluxo com a empresa, e os preços do aço longo devem aumentar mais 15% em setembro”, destacam.

Para Correa e Roure, apesar de o mercado estar cético considerando o cenário fraco para a construção e infraestrutura no Brasil, o ambiente externo dá suporte para esta visão. Eles citam, por exemplo, o crescimento de 30% para os vergalhões produzidos na Turquia.

“Nossa checagem confirma que a implementação da primeira rodada está progredindo bem, e ainda acreditamos que a dinâmica de preços favorável não está precificada nas ações da Gerdau ainda. Recomendamos que os investidores aumentem a exposição à Gerdau”, destaca o BTG. O preço-alvo é de R$ 14,50.

https://www.linkedin.com/company/moneytimes

Deixe um comentário