Citi derruba preço-alvo das ações da B2W

LinkedIn

O Citi cortou a recomendação para as ações da B2W (BOV:BTOW3para venda e derrubou o preço-alvo estimado em 24%, para R$ 11,70, mostra um relatório enviado a clientes. O novo valor corresponde a um potencial de desvalorização de aproximadamente 21,5%. A analista Paola Mello vê a empresa ficando para trás da competição com a concorrência pelo espaço online.

A B2W, que tem em seu portfólio a Americanas.com, Submarino, Shoptime e Sou Barato, está migrando o seu negócio de e-commerce para o market place, mas a competição está se tornando “feroz”, argumenta a analista.

“O Mercado Livre, o seu maior competidor, adotou uma estratégia agressiva de entrega grátis no Brasil, o que poderia mexer com o mercado on-line. Acreditamos que isto poderia ser um movimento proativo antes de a Amazon dar um passo mais agressivo na região, como sugerido pelo noticiário alguns meses atrás”, diz Mello.

Para ela, tendo dois grandes players lutando pela liderança não é uma boa notícia para a B2W, que sofre com margens apertadas, e está reestruturando o seu modelo de negócios.

Fonte: Gustavo Kahil

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.