Credit Suisse inicia a análise do Magazine Luiza com preço-alvo de R$ 570

LinkedIn

O Credit Suisse iniciou a cobertura das ações do Magazine Luiza (BOV:MGLU3) com a recomendação outperform (desempenho acima da média), o mesmo que compra, com um preço-alvo de R$ 570. O valor corresponde a um potencial de valorização de aproximadamente 19%.

O relatório de 40 páginas assinado por Tobias Stingelin, Leandro Bastos, Pedro Pinto e Stephen Ju exalta, principalmente, o expressivo crescimento dos lucros apresentado pela companhia nos últimos anos após amargar um prejuízo de R$ 66 milhões em 2015.

A reviravolta operacional, que contou com foco nas vendas e disciplina dos custos, permitiu a empresa a retornar ao azul com um lucro líquido de R$ 87 milhões em 2016 “apesar da economia brasileira ainda estar no meio do segundo ano consecutivo da sua pior recessão do século”, dizem os analistas.

Além disso, o Credit Suisse projeta um crescimento adicional de 249% nos lucros em 2017 e de mais 32% em 2018. As estimativas do banco são mais otimistas do que as do consenso do mercado, ressaltam os analistas.

“Acreditamos que o momento operacional é muito forte, o que, juntamente com a recuperação econômica em curso, deve se traduzir em um crescimento sólido e consistente de lucros. Nós concordamos que os concorrentes ainda eram relativamente fáceis para 2017, mas nossas estimativas de ganhos atuais assumem um sólido crescimento de resultados de 32% para 2018”, avaliam.

Fonte: Money Times. 

Deixe um comentário