Taxar fundos pode render mais de R$ 6 bilhões

LinkedIn

A mudança de tributação dos fundos exclusivos de investimentos tem potencial de arrecadação superior aos R$ 6 bilhões previstos no pacote de medidas anunciado ontem pela equipe econômica para reforçar o caixa federal em 2018. O governo preferiu ser conservador, mas a mudança pode chegar a R$ 10 bilhões ou “até mais”.

A cobrança poderá ser feita em janeiro. A data está sendo definida, mas poderá ser no segundo dia útil de janeiro. A alteração tributária entrou no cardápio de medidas anunciadas ontem pela equipe porque atinge grandes poupadores. A equipe econômica também pode “embalar” a alteração como se não fosse um aumento de impostos.

O governo avalia que contará com apoio da opinião pública para pressionar o Congresso a aprovar a mudança. Segundo um integrante da equipe econômica, a tributação anual das cotas dos fundos é uma medida muito forte, porque atinge hoje recursos que só são tributados no momento do resgate.

Outras medidas que estavam em estudo ficaram em banho-maria, mas não estão descartadas. A “harmonização” da tributação das aplicações financeiras – uma medida que vai além da necessidade de arrecadação – continua em análise.

Fonte: Estadão 

Deixe um comentário