WhatsCall corta preço-alvo para Petrobras após balanço

LinkedIn

A WhatsCall Research cortou o preço-alvo para as ações da Petrobras (BOV:PETR4) de R$ 18 para R$ 16,80, após a empresa revelar um resultado que ficou abaixo do esperado para o segundo trimestre, mostra um relatório enviado a clientes pela consultoria independente nesta sexta-feira (11).

“O resultado da Petrobras foi abaixo da nossa projeção e do mercado, com destaque negativo para a queda de receita (menos 11% no diesel), margens menores e provisões não-recorrentes, resultando em lucro líquido de apenas R$ 319 milhões. O preço das ações deve cair no pregão de hoje”, explica o analista Flávio Conde.

Ele explica que incorporou o balanço em suas estimativas para a estatal, o que resultou em uma revisão para baixo da perspectiva de desempenho para o segundo semestre do ano e 2018. O destaque foi a queda da geração operacional de caixa, medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 96 bilhões para R$ 92 bilhões este ano.

A estimativa para o lucro líquido caiu de R$ 18 bilhões para R$ 15,4 bilhões.

“Mantivemos a recomendação de Compra para as ações da Petrobras. A Petrobras é negociada a um EV/EBITDA 17 de 5,1x versus sua média histórica de 6,5x”, ressalta.

Fonte: Money Times

Deixe um comentário