Anúncio do FED sobre nova alta de juros nos EUA faz dólar cair

LinkedIn

Com anúncio do Federal Reserve, Banco Central americano, sobre uma possível nova alta de juros nos Estados Unidos – que seria a terceira no ano –  a moeda americana encerrou pregão de hoje (20) em queda.

Histórico

Hoje, o dólar fechou o dia com 0,21% de queda, cotado a R$ 3,1289 para compra e R$ 3,1294 para venda.

Em setembro, após 13 pregões, a moeda acumula 0,57% de queda. Até o momento, são 8 pregões de baixa contra 5 de alta. No último pregão de agosto, o dólar fechou cotado a R$ 3,1417 para compra e R$ 3,1475 para venda.

Em 2017, após 180 pregões, o dólar apresenta uma desvalorização de 3,70%. São 86 pregões de alta contra 94 de baixa. Em 2016, a divisa dos Estados Unidos fechou cotada a R$ 3,2492 para compra e a R$ 3,2497 para venda.

Influências

O Banco Central dos Estados Unidos (Federal Reserve) indicou que ainda espera uma nova alta de juros no país este ano, o que seria a terceira confirmada. O anúncio impactou diretamente as negociações da moeda.

Durante o dia, as expectativas dos investidores estava voltada para  julgamento do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o pedido feito pela defesa de Michel Temer para paralisar a tramitação da nova denúncia do ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra o presidente.

 

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.