Barroso autoriza novo inquérito contra o presidente Michel Temer

Google+ LinkedIn

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luis Barroso autorizou a abertura de inquérito contra o presidente Michel Temer. Esta é a segunda denúncia feita pelo procurador-geral da República Rodrigo Janot e envolve o Decreto dos Portos, que teria favorecido a empresa Rodrimar S/A.

O presidente está sendo acusado de corrupção passiva e ativa e lavagem de dinheiro. O ex-deputado federal e ex-assessor de Temer, Rodrigo Rocha Loures e os empresários Ricardo Conrado Mesquita e Antônio Celso Grecco, da Rodrimar, também foram acusados de pagamentos de propinas.

As suspeitas sobre o caso iniciaram após a Polícia Federal ter interceptado um conversa entre Temer e seu antigo assessor no dia 4 de maio em um grampo no telefone de Loures. Eles conversaram sobre quando seria assinado o decreto dos Portos e depois, o ex-deputado passou as informações por telefone a Mesquita.

Repórter da ADVFN, Ana Beatriz Bartolo é estudante de jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie. Interessada em política e economia, trabalha por um jornalismo ético que cumpra seu papel social. Contato: anab@advfn.com.br

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.