CVM diz que ajuda a PF no caso JBS e tem 13 processos em andamento; ação sobe

Google+ LinkedIn

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) informou hoje que está trabalhando em conjunto com a Polícia Federal na 2ª fase da Operação Tendão de Aquiles, que visa a apurar suposto uso indevido de informações privilegiadas em operações realizadas com ações de emissão da JBS S.A. no mercado à vista e, ainda, em operações realizadas pela JBS (BOV:JBSS3) no mercado futuro de dólar, ocorridas entre abril e maio de 2017. Segundo a CVM, estão em andamento 13 procedimentos, entre os quais inquéritos administrativos instaurados para analisar operações realizadas no mercado de dólar futuro e em negócios com ações de emissão da JBS S.A. realizados no mercado à vista, conforme divulgado em seu site.

Foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão preventiva dos sócios e administradores das empresas JBS S/A e FB Participações S/A, Wesley e Joesley Batista, sendo que Joesley já está preso desde domingo temporariamente em razão de decisão do Supremo Tribunal Federal.

Segundo a autarquia, embora essa fase da operação tenha contado apenas com a participação direta das unidades da PF, permanece a atuação conjunta com a CVM no âmbito da Operação Tendão de Aquiles, fruto do amplo e efetivo trabalho que vem sendo realizado entre as duas instituições, por meio do acordo de cooperação que celebraram em 2010. “Importante ressaltar que os procedimentos em curso na PF e na CVM têm natureza distinta, cabendo a esta Autarquia, neste momento, realizar análises e apurações no âmbito administrativo com escopo e nuances específicas a ele inerentes”, diz a CVM em nota.

Apesar da prisão de Wesley, as ações ordinárias (ON) da JBS estão em alta de 0,99% na B3, a R$ 8,16.

 

A Arena do Pavini é um espaço voltado para fornecer informação de valor e promover o aprendizado e a discussão dos principais temas relacionados à vida do investidor. O blog de notícias é pilotado por Angelo Pavini, renomado jornalista econômico, com mais de 20 anos de experiência na cobertura do mercado financeiro e de assuntos ligados a finanças pessoais.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.