Bússola de Investimentos: Confira as principais notícias do mercado financeiro nesta quarta-feira, 11 de outubro

LinkedIn

A Bússola de Investimentos desta quarta-feira traz: Conselho de Administração da Oi aprova plano de recuperação judicial, Gol teve aumento de 5,0 em sua demanda, Petrobras anuncia aumento no preço do gás de cozinha. Confira: 

GOL (GOLL4)

A demanda total da Gol aumentou em 5,0% em setembro ante o mesmo mês do ano passado, informou nesta terça-feira (10), a companhia aérea. O oferta, por sua vez, avançou 2% no período, o que levou a taxa de ocupação nas aeronaves da empresa ao patamar de 80,2%, um crescimento de 2,3 pontos percentuais em relação ao mesmo período de 2016. Leia

ITAÚSA (ITSA3) (ITSA4)

Itaúsa divulgou hoje que o Conselho de Administração autorizou o aumento para 153,7 milhões de ações escriturais de emissão própria que serão adquiridas para manutenção da tesouraria, cancelamento ou recolocação no Mercado, sem redução do valor do capital social. Serão 103,7 milhões ordinárias e 50 milhões preferenciais. Leia

BR Properties (BRPR3)

BR Properties veio através de Fato Relevante anunciar a venda do imóvel comercial chamado “Henrique Schaumann” à empresa Brasia Properties Investimentos Imobiliários, pelo valor de R$ 84 milhões à vista. Leia

BRB (BSLI3)

Banco de Brasília (BRB) anunciou que Carlos Vinícius Raposo Machado Costa foi destituído do cargo do cargo de Diretor de Serviços e Produtos (Disep). Ao mesmo tempo, o Conselho de Administração retirou Marco Aurélio Monteiro de Castro da Diretoria de Risco e Controladoria (Dirco) para que ele assumisse a Disep. A Dirco será responsabilidade de Carlos Artur Hauschild até o final do mandato. Leia

PETROBRAS (PETR4)

O Grupo Executivo de Mercado e Preços da Petrobras definiu novo reajuste do gás liquefeito de petróleo (GLP) para uso residencial, vendido em botijões de até 13 quilos (GLP P-13), conhecido como gás de cozinha. O aumento será, em média, de 12,9% e começa a vigorar nesta quarta-feira (11). Leia

VULCABRAS (VULC3)

O período de reserva para a oferta de ações da Vulcabras Azaleia se inicia nesta terça-feira, 10 e vai até o dia 23 de outubro. No dia seguinte, 24, será encerrado o procedimento de bookbuilding quando será definido o preço da ação, cuja faixa indicativa é de R$ 8,50 a R$ 10,50. A quantidade de ações na oferta, para sua “reestreia” na Bolsa brasileira, é de 60.526.000 em distribuição primária (novas ações) e 7.894.000 na secundária (dos vendedores), e o montante pode ser acrescido em até 15% em lote suplementar. Leia

EMBRAER (EMBR3)

A Embraer anuncia entrega de 45 jatos no terceiro trimestre, sendo 25 em aviação comercial e 20 na executiva. Ao final do período, a carteira de pedidos firmes a entregar (backlog) cresceu para US$ 18,8 bilhões, maior que a de US$ 18,5 bilhões no segundo trimestre. Em comunicado, a Embraer destaca as vendas para a SkyWest, cuja encomenda total é de 45 novos aviões, sendo 25 E-Jets em setembro, com valor de US$ 1,1 bilhão e no início de outubro anúncio de pedido firme de outros 20, no valor de US$ 914 milhões (preços de lista). Leia

OI (OIBR4)

O conselho de administração e a diretoria da Oi aprovaram nesta terça-feira, 10, o novo plano de recuperação judicial, mas alguns termos do acordo continuaram em discussão nas próximas horas, segundo apurou o Estadão/Broadcast. A Oi não comenta. Uma das pontas soltas do plano se refere ao encaminhamento da dívida de R$ 11 bilhões da companhia junto à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Leia

HELBOR (HBOR3)

O Conselho de Administração da Helbor aprovou nesta terça, 10, o aumento do capital social da companhia, dentro do limite do capital autorizado, no valor de até 280 milhões de reais, passando o capital da companhia de R$ 926.376.294,12 para até R$ 1.206.376.294,12 mediante a emissão privada de até 140 milhões de novas ações ordinárias. Leia

COMGÁS (CGAS3(CGAS5)

Em fato relevante divulgado na noite desta terça-feira, 10, a Companhia de Gás de São Paulo – Comgás informou que a Shell exerceu a opção de venda das ações da Comgás , as quais serão compradas pela Cosan Limited. De acordo com o fato relevante, a Cosan Limited ficará com 16,77% do capital social total da Comgás e em troca entregará à petroleira Shell 4,99% do capital da Cosan. Leia

AZUL (AZUL4)

A Azul anunciou por meio de fato relevante enviado ao mercado nesta quarta-feira, 11, a venda de dez ATR 72-600 para a Nordic Aviation Capital (NAC), resultando em uma redução da dívida total em cerca de R$ 325 milhões.  A Azul disse que a decisão está em linha com sua estratégia de otimização de frota e crescimento por meio de aeronaves com maior capacidade de assentos e mais eficientes. A venda dos 10 ATRs já estava sendo considerada na projeção de frota da empresa para 2017 e 2018, que consiste em encerrar o ano com 122 e 128 aeronaves operacionais, respectivamente. Leia

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.