Semanário Bovespa: indicador fecha a semana em alta após renovar patamar histórico duas vezes

LinkedIn

Ibovespa fechou a semana com uma valorização de 1,23%. O cenário nacional se manteve tranquilo, apesar da tensão ter sido constante sobre qual seria o parecer do deputado Bonifácio de Andrada sobre a denúncia contra o presidente Michel Temer. O relator do caso na CCJ da Câmara recomendou a rejeição da denúncia por falta de embasamento, mas a votação da comissão para julgar se o parecer será ou não aceito acontecerá apenas na próxima semana. Já no contexto externo, o mercado permanece animado com o crescimento acima do esperado nas importações chinesas e com a perspectiva de crescimento do PIB mundial apontado pelo FMI.  Já foram 16 semanas de ganhos, contra 25 variações positivas.

Ontem, o indicador subiu 0,43%, chegando aos 76.989,79 pontos, um novo recorde de fechamento.

Em outubro, após 9 fechamentos, o índice valorizou 3,63%. Já se foi cinco pregões positivos, contra quatro negativo. O mês de agosto fechou com 74.293,51 pontos.

Já no comparativo de 2017, após 195 pregões, o Ibovespa subiu 27,83%. Já foram 97 fechamentos positivos contra 98 negativos. Em 2016, o índice fechou com 60.227,29 pontos.

Resumo da Semana

A semana começou (9) em queda de 0,43%, fechando com 75.726,80 pontos. No dia seguinte, o ibovespa valorizou 1,55%, encerrando o pregão com a máxima histórica de 76.897,21 pontos.

Na véspera do feriado (11), o índice recuou 0,31%, encerrando o pregão com 76.659,80 pontos. Já na sexta-feira (13),  indicador subiu 0,43%, chegando aos 76.989,79 pontos, renovando o patamar histórico de fechamento.

Deixe um comentário