Inflação medida pelo INCC-DI voltou a subir em Outubro de 2017, acumulando alta de 4,38% nos últimos doze meses

LinkedIn

O Índice Nacional de Custo da Construção – Disponibilidade Interna (INCC-DI) fechou o décimo mês do ano com 715,525 pontos, subindo 0,31% na comparação com o mês anterior, quando fechou o período de coleta de preços com 713,330 pontos. Nos últimos doze meses, o índice acumulou uma valorização de 4,38%.

O grupo formado por Materiais, Equipamentos e Serviços subiu 0,67% em outubro, fechando o mês com 531,546 pontos. No mês anterior, o indicador tinha subido 0,24%. No acumulado dos últimos doze meses, o grupo Materiais, Equipamentos e Serviços acumulou alta de 2,38%.

Já o grupo formado por Mão de Obra subiu 0,01% em outubro, fechando o mês com 973,570 pontos. No mês anterior, o indicador tinha caído 0,08%. No acumulado dos últimos doze meses, o grupo Mão de Obra acumulou uma alta de 6,06%.

O INCC é o principal indicador da evolução dos preços no setor de construção civil brasileiro. A versão INCC-DI do índice calcula a evolução dos preços de produtos e serviços no setor de construção entre o primeiro e o último dia útil de cada mês. O INCC-DI representa 10% da composição do IGP-DI (Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna). Clique aqui e saiba mais sobre o desempenho do INCC-DI no décimo mês de 2017.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.