J.P. Morgan eleva recomendações da Cemig e Sabesp

LinkedIn

Em relatório assinado na noite do último domingo (26/11), pelo analista Fernando Abdalla, o banco J.P. Morgan optou por elevar a recomendação dos papeis da Cemig (CMIG4) e da Sabesp (SBSP3). 

De acordo com o analista, para a elaboração do relatório, o banco levou em conta um valuation muito descontado, um risco-retorno bastante atrativo e catalisadores positivos no curto prazo. A recomendação passou a ser overweight.

Os papéis da Taesa (TAEE11) foram elevados para uma recomendação neutra, após a conclusão do block trade da semana passada.

No caso da Cemig, a oferta de ações planejada e a emissão externa programadas para o mês que vem e final do ano, irão ajudar a acelerar o processo de desalavancagem, disse o relatório. O mercado parece não estar olhando para esses eventos positivos, disse Abdalla.

Para os papéis da Sabesp, os resultados melhores no terceiro trimestre de 2017, foram um gatilho para a recomendação positiva da ação. O plano de capitalização não é visto como “done deal” e por isso, não geraria um “overhang” a curto prazo.

Deixe um comentário