MRV diz que vendas brutas em outubro e novembro atingiram 8.318 unidades

LinkedIn

A construtora MRV Engenharia (BOV:MRVE3informou nesta terça-feira (12) que suas vendas brutas em outubro e novembro atingiram 8.318 unidades, o melhor desempenho de 2017, segundo a companhia.

A companhia disse em comunicado que dezembro tem “potencial para ser o melhor mês de vendas do ano”.

Segundo Rafael Menin, copresidente da MRV Engenharia, o mês de dezembro deve puxar a média do quarto trimestre para cima. “Faremos, nos próximos meses, algo que não existe na indústria de habitação no mundo”, disse ele. Em texto divulgado mais cedo, a companhia informou que “dezembro possui potencial para ser o melhor mês de vendas do ano”.

A média mensal foi de 4,159 unidades no período, um crescimento de 46% em comparação com a média registrada no quatro trimestre de 2016, de 2.846 imóveis. No terceiro trimestre de 2017, a média mensal da construtora foi de 3.478 unidades comercializardes, indicando um crescimento de 20%

Rafael Menin afirmou que a companhia saiu da crise econômica brasileira com uma rentabilidade maior, menos alavancada e com uma margem bruta melhor. Segundo ele, “2017 é o ano em que a MRV começa a colher os benefícios de investimentos feitos na crise”.

Média Renda

A construtora anunciou na noite desta segunda-feira (11), em comunicado enviado à Comissão de Valores Imobiliários (CVM) que voltará a fazer lançamentos no segmento de média renda.

Em uma breve apresentação sobre as suas perspectivas, a MRV lembra que o segmento premium reduziu a rentabilidade da construtora nos resultados desde 2010, passando de 26% das vendas para 3% em 2017. Para os próximos anos (sem uma data específica) a companhia espera que fique entre 10% e 30%.

Em nota, a MRV destaca o cenário macroeconômico positivo a partir de 2018, com avanços legislativos e regulamentares e, assim, a oportunidade de aumentar a representatividade de financiamentos com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) no mix de vendas.

A empresa projeta que a demanda por novos imóveis de 2017 a 2025 será de 11,9 milhões de unidades. “Com a forte demanda habitacional e o cenário econômico favorável, a MRV pretende elevar os lançamentos da linha Premium”, informou a MRV.

Deixe um comentário