Coinvalores: Setores de Infraestrutura e Logística devem se beneficiar da retomada econômica

LinkedIn

De acordo com relatórios divulgados pela Coinvalores, os setores de Infraestrutura e Logística tendem a se recuperarem com a melhora na economia, após alguns anos de recessão. Por outro lado, a precificação antecipada de alguns ativos e as eleições de outubro devem impactar o desempenho das ações na Bolsa.

Infraestrutura 

A tendência negativa do setor começou a ser revertida quando a economia do país voltou a dar sinais de melhoras no final de 2016. Porém, a recuperação tímida das empresas foi atrapalhada pela instabilidade política trazida pelas denúncias contra o presidente Michel Temer e outros escândalos do alto escalão do governo.

Para este ano, o leilão de 13 aeroportos e a concessão de algumas rodovias podem criar oportunidades de crescimento para as companhias, caso as eleições não mudem a política adotada atualmente. A retomada da produção industrial, assim como a volta da circulação de veículos pesados, devem aumentar o tráfego e, como consequência, os lucros das empresas.

Logística e transporte

O Brasil apresenta uma pulverização dos players quando o assunto é logística, por causa do desequilíbrio da matriz de transportes de cargas, o que leva os fornecedores do serviço a atenderem os clientes de maneira individualizada.

Levando em consideração que o crescimento da economia brasileira será diretamente relacionado às commodities, as transportadoras rodoviárias e ferroviárias serão as mais beneficiadas pela demanda. Já as empresas ligadas ao setor de locação veicular também tendem a ser impulsionadas, pois historicamente os seus faturamentos crescem de duas a três vezes mais do que o PIB nacional.

Coinvalores apenas aconselha a predileção por ativos que estiverem mais baratos que os concorrentes, porque a corretora enxerga que o mercado já precificou ao longo de 2017 as previsões positivas de médio prazo para o setor.

Deixe um comentário