Boa noite, Investidor! 09 de fevereiro de 2018

Google+ LinkedIn

Confira o que aconteceu depois da abertura do mercado hoje.

Para mais informações sobre o que foi notícia antes da abertura da Bolsa, confira o nosso Bom dia, Investidor!

Destaques corporativos

Alpargatas (ALPA4) – O lucro líquido da Alpargatas foi de  R$ 45,1 milhões no 4T17, queda de 56% em realação ao mesmo período de 2016. No ano, o lucro alcançou R$ 350,5 milhões, montante 2,2% menor que o de 2016. O EBITDA recuou 61,1%, totalizando R$ 56,7 milhões. No ano, o Ebitda soma R$ 486,2 milhões, queda de 15,6%.

Oi (OIBR3) (OIBR4) – Oi informou que já está pagando a segunda parcela aos credores que tinham até R$ 50 mil em créditos com a empresa. Isso representa 10% da dívida remanecescente de quem aceitou o acordo com a empresa. Cerca de 37 mil credores receberam ao todo R$ 21 milhões da Oi.

CSN (CSNA3) – A CSN realizou a emissão de US$ 350 milhões em notas sênior com vencimento para 2023, precificado a 7,625% ao ano. A empresa usará os recursos obtidos com a operação para recomprar US$ 350 milhões das notas sênior com prazo para 2019 e cupom de 6,875%. Ela planeja também recomprar as notas sênior para 2020 com cupom de 6,5%, valor distante dos US$ 350 milhões estimados aos valores referentes à recompra dos títulos a vencer em 2019.

Natura (NATU3) – Natura informou que o diretor financeiro e de relações com investidores da empresa, José Roberto Lettiere renunciou ao cargo. O diretor presidente da empresa, João Paulo Brotto Ferreira, assumirá interinamente as funções até que outra pessoa assuma a posição de Lettiere.

Amazon – A Amazon está transferindo seu complexo de logística no Brasil para Cajamar (SP), a 50 quilômetros da capital de São Paulo.

Suzano (SUZB3) – A nova fábrica de celulose da Suzano em São Paulo terá capacidade para produzir até 1,5 milhão de toneladas. Isso fará com que a empresa tenha, no total, uma capacidade anual de produzir 5 milhões de toneladas de celulose.

Recomendações

Lojas Renner (LREN3)/Coinvalores – Depois da divulgação dos resultados, a corretora indicou para a Renner um preço-alvo indicado é de R$ 40,00 para 2018, com potencial de valorização de 15% e recomendação de compra.

Lojas Renner (LREN3)/BB Investimentos – BB manteve a recomendação outperform da Renner, com preço-alvo de R$ 47,00 até o final do ano, representando um upside de 35,1%.

Usiminas (USIM5)/Coinvalores – A corretora indica o preço-alvo de R$ 12,80, um potencial de valorização de 13%.

Usiminas (USIM5)/BB Investimentos – Após os resultados, a indicação para a Usiminas é de corretora indica o preço-alvo de R$ 12,80, um potencial de valorização de 13%.

IRB (IRBR3)/Benndorf Research – Para a Benndorf, a IRB é um “porto seguro” para a carteira, por isso o  preço justo para as ações em 2018 é de R$ 42,70.

Itaú Unibanco (ITUB4)/Benndorf Resarch – A Benndorf recomenda realização parcial dos lucros no e esperar que a ação chegue aos R$ 45,00 antes de começar a comprá-la mais agressivamente.

Fibria (FIBR3)/Magliano – Com base nos resultados da Fibria, Magliano recomendou a empresa com preço-alvo de R$ 65,32.

Copel (CPLE6) – Copel anunciou um aumento de 4,8% no consumo de energia no 4T17 ante o mesmo período de 2016  no mercado fio (Tusd) da Copel Distribuição. A venda de energia por parte da empresa caiu 6,5% no quarto trimestre, para 4.865 GWh. Houve queda de 2,0% no quarto trimestre no fornecimento de energia elétrica da Copel, para 6.124 GWh.

Notícias

Lula – O ministro Edson Fachin, do STF, negou o o habeas corpus ao ex-presidente Lula e submeteu o caso à análise em plenário. A ação movida pela defesa do petista é para que ele responsa até o último recurso no caso do triples do Guarujá

Inadimplência – Segundo dados da SPC rasil,  a inadimplência em janeiro subiu 2,1% em relação ao mesmo mês de 2016. Ao todo 40% da população nacional é devedora.

Varejo – A venda no varejo recuou 1,5% em dezembro ante novembro, na série com ajuste sazonal, segundo o IBGE. 

 

Repórter da ADVFN, Ana Beatriz Bartolo é formada em jornalismo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Interessada em política e economia, trabalha por um jornalismo ético que cumpra seu papel social. Twitter: @anabeatrizbart

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.