Boa noite, Investidor! 27 de fevereiro de 2018

LinkedIn

Confira o que aconteceu depois da abertura do mercado hoje.

Para mais informações sobre o que foi notícia antes da abertura da Bolsa, confira o nosso Bom dia, Investidor!

Destaques Corporativos

Eletrobras (ELET3)(ELET6)/Petrobras (PETR3)(PETR4) – Eletrobras e a Petrobras chegaram a um acordo sobre a dívida bilionária que a subsidiária de distribuição de energia no Amazonas possui. Segundo uma fonte da Reuters, a decisão permitiria que a estatal elétrica continuasse com seus planos de privatização. A Eletrobras terá que quitar R$ 17 bilhões junto a petroleira, mas “prazo, carência e taxa” ainda estão sendo discutidos. Outros R$ 3 bilhões devidos ainda estão sendo analisados.

Oi (OIBR4) – A Justiça adiou o prazo para a escolha de forma de pagamento pelos credores de seus crédito dentro do processo de recuperação judicial da Oi.

Petrobras (PETR3) (PETR4) – Fitch rebaixou de “BB” para “BB-“ o rating em moeda estrangeira da Petrobras, alterando a perspectiva da nota da estatal de negativa para estável.

Eletrobras (ELET3) (ELET6) – Fitch também rebaixou, de “BB-” para “BB+”, o rating da moeda estrangeira da Eletrobras, modificando a perspectiva da nota do grupo de negativa para estável.

JBS (JBSS3) – O conselho de administração da JBS (BOV:JBSS3)aprovou a venda da totalidade das ações representativas do capital social da JBS Five Rivers Cattle Feeding LLC, para a Pinnacle Arcadia Cattle Holdco, LLC, por US$ 200 milhões (aproximadamente R$ 647,5 milhões).

CSN (CSNA3) – CSN entrou com recurso junto ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) contra a compra da Votorantim pela ArcelorMittal, autorizada pelo órgão no dia 7 de fevereiro. A companhia questiona se todos os conselheiros tiveram acesso ao estudo antes da sessão do julgamento.

Weg (WEGE3) – O Conselho de Administração da Weg propôs um aumento do capital em R$ 1,97 bilhão através da incorporação de parte do saldo da conta  de reserva de lucros. Isso emitiria 484,3 milhões de novas ações, fazendo com que os acionistas fossem bonificados com três novas ações para cada 10 existentes e possuídas.

JHSF (JHSF3) – A JHSF entrou com o registro de oferta pública inicial de ações da JHSF Malls, sua área de shopping center, para listagem no Novo Mercado da B3.

Oi (OIBR4)/Tim (TIMP3) – As operadoras OiTim fecharam um acordo sobre o pagamento de aluguel pelo compartilhamento de redes de telecomunicações. A disputa envolvia um valor entre R$ 50 milhões e R$ 100 milhões.

Petrobras (PETR3) (PETR4) – A Petrobras informou que deu início à fase vinculante da cessão da totalidade dos direitos de exploração, desenvolvimento e produção do Polo Enchova e do Polo Pampo, no Estado do Rio de Janeiro. Nesta etapa do projeto, os interessados habilitados na fase anterior receberão cartas-convite com instruções detalhadas sobre o processo de desinvestimento, incluindo as orientações para a realização de due diligence e para o envio das propostas vinculantes.

Vale (VALE3) – Vale divulgou os resultados do 4T17, com lucro líquido de R$ 17,669 bilhões em 2017, 32,88% maior o de 2016. A receita cresceu 14%, para R$ 108,5 bilhões. A empresa também divulgou o pagamento de juros sobre capital próprio de R$ 2.539.006.733,78, correspondendo a R$ 0,488511766 por ação ordinária em circulação

Recomendações

Hypera (HYPE3)/Benndorf Research – Para quem está comprado, a recomendação é de manutenção, com redução de exposição na perda dos R$ 34,00. Para quem deseja entrar, o melhor seria esperar por uma reversão positiva e adotar uma estratégia de trading acima dos R$ 34,00. Em uma análise fundamentalista, o preço-alvo é nos R$ 37,00.

Magliano – Magliano decidiu alterar a sua carteira semanal para recomendar posições na AES Tietê (TIET11), Multiplan (MULT3), Gerdau (GGBR4), CTEEP (TRPL4) e Vale (VALE3).

Spinelli – Spinelli indicou na sua carteira recomendada desta semana a CSU (CARD3), Usiminas (USIM5), Estácio (ESTC3) Cesp (CESP6) e Ultrapar (UGPA3).

Fibria (FIBR3)/BTG Pactual – BTG elevou o preço-alvo da Fibria para R$ 71,00.

Suzano (SUZB3)/BTG Pactual – O banco subiu o preço-alvo da Suzano para R$ 27,00.

Klabin (KLBN11)/BTG Pactual – BTG manteve a recomendação neutra para a Klabin, mas revisou o preço-alvo para R$ 22,00.

Notícias

Cade/Banco Central – Conselho de Defesa Econômica (Cade) informou que assinará junto ao Banco Central do Brasil na quarta-feira (28), um “memorando de entendimentos relativo a procedimentos de cooperação nas análises de atos de concentração econômica nos sistema financeiro fiscal”.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.