Taesa faz proposta por linhas de transmissão de energia da J&F, diz CEO

LinkedIn

A transmissora de energia elétrica Taesa (BOV:TAEE11) está de olho nos ativos colocados à venda pela Âmbar, holding de energia da J&F. Segundo o presidente da empresa, Raul Lycurgo Leite, o interesse acontece pelo interesse da Taesa em novos negócios, que devem estimular a empresa a avaliar também a disputa pela compra de fatias da Eletrobras, além da participação em leilões de novos empreendimentos no setor.

“Estamos participando dessa venda…a gente inclusive já fez nossa oferta não vinculante em relação a esses ativos (da Âmbar), mas a gente não sabe com qual velocidade isso vai efetivamente se descortinar”, afirmou Raul Lycurgo.

A busca por novos ativos por parte da Taesa vem em um momento de folga financeira da companhia, que fechou 2017 com uma posição de caixa favorável e um nível de alavancagem considerado “confortável” pelo diretor financeiro da companhia, Marcus Aucélio.

Com relação aos ativos da Eletrobras, que estão previstos para ir à leilão no dia 7 de junho, a Taesa pretende se valer de sua posição de sócia da estatal em cinco dos empreendimentos de transmissão que serão vendidos, o que garante um direito de preferência.

Os ativos de transmissão de energia da Âmbar somam cerca de 1,2 mil quilômetros em linhas e mais subestações nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Piauí, Distrito Federal e Goiás, segundo informações do site da companhia.

Com Reuters

Deixe um comentário