Poupança perde R$ 708 milhões em fevereiro e R$ 5,9 bi no ano

LinkedIn

As cadernetas de poupança registraram resgates líquidos de R$ 708 milhões em fevereiro, mantendo a tendência de saídas iniciada em janeiro, quando os resgates superaram as aplicações em R$ 5,2 bilhões. Com isso, no ano, as cadernetas já perderam R$ 5,9 bilhões. Os primeiros meses do ano são normalmente períodos de resgates, já que as pessoas gastam o 13º recebido no fim do ano e têm de recorrer às economias para honrar os compromissos com impostos prediais e de carros e matrículas escolares, entre outras despesas extras.

Com isso, o total aplicado em cadernetas, incluindo as rurais, fechou fevereiro em R$ 724,547 bilhões. As cadernetas estão também rendendo menos, acompanhando a queda dos juros da economia. Os depósitos feitos a partir de 4 de maio de 2012 rendem 70% da taxa Selic, que no caso do juro atual de 6,75%, equivale a 4,72% ao ano, ou 0,394% ao mês.

Do total de resgates em fevereiro, as cadernetas do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimos (SBPE) responderam por R$ 586 bilhões e a poupança rural, destinada a financiar o crédito ao agronegócio, por R$ 121,9 milhões.

As cadernetas do SBP perdem R$ 5,561 bilhões no ano e acumulam saldo de R$ 562,726 bilhões. Já a poupança rural acumula resgates de R$ 348,3 milhões no ano e um saldo total de R$ 161,8 bilhões.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.