Bovespa mantém alta em dia de viés misto no exterior

LinkedIn

O Ibovespa manteve os ganhos nesta quinta-feira (19), com o mercado atento ao exterior e marcado pela veto da União Européia sobre a exportação de frango brasileira.

O indicador teve alta de 0,06%, cotado a 85.824,26 pontos. Os papéis da BRF (BRFS3subiram 2,4%, os da Smiles (SMLS3) cresceram 2,4% e os da Usiminas (USIM5ampliaram 2,2%.

Após 14 pregões em abril, o índice valorizou 0,54%. Houve 6 fechamentos positivos contra 8 negativos. Em março, o indicador fechou com 85.365,56 pontos.

Já no comparativo com 2017, após 74 pregões, o Ibovespa subiu 12,33%. Já foram 42 fechamentos positivos contra 32 negativos. Ano passado, o índice fechou com 76.402,08 pontos.

Influências

O mercado seguiu acompanhando a cena política, em meio a uma certa indefinição de um futuro presidente para o país.

A União Europeia proibiu nesta quinta-feira (19) 20 frigoríficos brasileiros de exportar frango para o bloco econômico. Das 20 empresas afetadas 12 frigoríficos eram da BRF (BRFS3) e outras 8 unidades de outras empresas.

Deixe um comentário