Dólar volta a subir atento a política brasileira

LinkedIn

O dólar voltou a subir nesta quinta-feira (19), em dia de agenda vazia, com os investidores atentos a política brasileira.

Histórico 

A moeda teve alta de 0,34%, cotada a R$ 3,3908 para compra e R$ 3,3915 para venda.

Após 14 pregões em abril, a moeda valorizou 2,77%. Houve 4 fechamentos negativos contra 9 positivos. Em março, a divisa americana fechou cotada a R$ 3,2994  para compra e R$ 3,3001 para venda.

Em 2018, após 74 pregões, o dólar apresenta uma valorização de 2,33%. Já se foram 39 pregões em alta, contra 35 em baixa. Em 2016, a divisa dos Estados Unidos fechou cotada a R$ 3,3133 para compra e a R$ 3,3144 para venda.

Influência

O Ministério do Comércio da China disse nesta quinta-feira (20) que o país está pronto para lidar com qualquer espécie de efeito negativo de sua disputa comercial com os Estados Unidos.Além disso, o ministério acrescentou que altas tarifárias de Pequim sobre as importações dos EUA não terão muito impacto em sua indústrias nacionais.No começo da semana, os Estados Unidos vetaram empresas norte-americanas de vender peças a fabricante chinesa de equipamento de telecomunicação ZTE por 7 anos.

O governo Trump segue na tentativa de confirmação, pelo Senado dos Estados Unidos, do atual diretor da CIA, Mike Pompeo, 57 anos, como novo secretário de Estado, na vaga deixada por Rex Tillerson.

O Banco Central realiza nesta sessão leilão de até 3,4 mil swaps cambiais tradicionais, equivalentes à venda futura de dólares, para rolagem dos contratos que vencem em maio e somam US$ 2,565 bilhões.Se mantiver esse volume e vendê-lo integralmente, o BC rolará o valor total dos swaps que vencem no próximo mês.

Deixe um comentário