João Fortes (JFEN3) registrou prejuízo de R$ 462.88 milhões em 2017

LinkedIn

A companhia João Fortes anunciou um prejuízo líquido de R$ 462.88 milhões em 2017, valor 1,12% maior que o prejuízo líquido de R$ 457.76 milhões apurado no ano anterior. O desempenho da companhia no ano também foi pior que a média dos cinco anos anteriores (prejuízo médio anual de R$ 282.51 milhões).

A receita líquida da companhia diminuiu 30,06% de um ano para o outro, passando de R$ 236.15 milhões em 2016 para R$ 165.16 milhões em 2017. Esse montante também foi menor que o valor médio dos últimos cinco anos (R$ 546.78 milhões), quando a receita líquida da companhia João Fortes diminuiu, em média, -35,79% por ano.

Os ativos totais da João Fortes totalizaram R$ 2.16 bilhões no 4º trimestre de 2017, soma 18,33% menor que o saldo de R$ 2.64 bilhões registrado no encerramento do mesmo período do ano anterior.

O patrimônio líquido da companhia, por sua vez, apresentou retração de 10,41%, ao comparar todos os valores contábeis que os seus sócios possuíam no fechamento do 4º trimestre de 2017 (R$ 455.11 milhões) com a mesma data em 2016 (R$ 507.99 milhões).

A dívida líquida ficou em R$ 897.6 milhões no 4º trimestre de 2017, queda de 23,53% ante os R$ 1.17 bilhões registrados no ano anterior.

Todos estes dados referem-se à consolidação do resultado financeiro da companhia João Fortes (BOV:JFEN3) com o resultado financeiro de todas as suas companhias subsidiárias (empresas controladas, de maneira direta ou indireta, pela companhia) relacionadas ao ano de 2017.

Resultado da João Fortes no 4º Trimestre de 2017

A companhia João Fortes anunciou um prejuízo líquido de R$ 210.61 milhões no 4º trimestre de 2017, valor 4,33% maior que o prejuízo líquido de R$ 201.86 milhões apurado no mesmo período do ano anterior. Já a receita líquida da companhia diminuiu 34,73% de um ano para o outro, passando de R$ 21.12 milhões no 4º trimestre de 2016 para R$ 13.79 milhões no 4º trimestre de 2017.

Acesse o balanço financeiro completo desta companhia, clicando aqui. Não deixe de conferir também seus indicadores fundamentalistas, clicando aqui.

Conheça a João Fortes

Durante os primeiros anos, a João Fortes dedicou-se exclusivamente ao ramo imobiliário, como incorporadora e construtora. A partir do início dos anos setenta, oportunidades de mercado permitiram a sua diversificação e expansão geográfica. Desde então, a companhia, além de atuar como incorporadora vem atuando como construtora para terceiros, tanto por empreitada como por administração, construindo além de edifícios residenciais e comerciais, cinemas, escolas, universidades, clubes, centros esportivos e de lazer, hospitais, shopping centers, hotéis, edifícios-garagem, centro de processamento de dados, centros de pesquisas e obras industriais.

A João Fortes tem participado intensamente da atividade da Construção Civil, tanto como incorporadora e construtora de seus próprios empreendimentos, como construtora para terceiros, pelo regime de empreitada ou por administração, na cidade do Rio de Janeiro e, a partir de 1972, sucessivamente, em diversas capitais – Brasília, São Paulo, Salvador, Belo Horizonte, Vitória, Curitiba, Recife, Porto Alegre, Goiânia, Belém, João Pessoa, Fortaleza, Maceió, Natal e Florianópolis – e nas cidades de Foz do Iguaçu (PR), São José dos Pinhais (PR), Itajaí (SC), Santa Maria (RS), Passo Fundo (RS), Canoas (RS), Anápolis (GO), Três Marias (MG), Petrópolis (RJ), Macaé (RJ), Niterói (RJ), Volta Redonda (RJ), Angra dos Reis (RJ), Ilhéus (BA), Assis (SP), Campinas (SP), Ilha de Fernando Noronha (PE), Noronha (PE), Nova Iguaçu (RJ), Duque de Caxias (RJ) e São João de Meriti (RJ).

A companhia também atuou em Montevideo (Uruguai) através de sua controlada JF INTERNATIONAL.

Usuários ADVFN acompanham, gratuitamente e em tempo real, a cotação de todas as ações negociadas na BM&FBOVESPA através das ferramentas Monitor, Cotação e Gráfico.

Deixe um comentário