Usiminas: Começando o ano com bons resultados

LinkedIn

“A retomada da demanda por aço seguiu como o principal propulsor dos números da Usiminas neste início ano…”

Em relatório enviado ao mercado, a equipe da Coinvalores divulgou a sua análise sobre os resultados apresentados pela Usiminas (BOV:USIM5) neste primeiro trimestre de 2018.

No relatório assinado pela analista Sabrina Cassiano, a corretora ressalta que a retomada da demanda pelo aço seguiu como o principal propulsor dos números apresentados pela Usiminas neste início de ano. No mercado doméstico, que corresponde por cerca de 85% do volume vendido no segmento de siderurgia, as vendas avançaram quase 10% quando comparado ao mesmo período de 2017. No exterior, a alta foi ainda mais expressiva, com variação de mais de 60% no mesmo período.

Nesse sentido, a corretora destaca que “as exportações da companhia tem como principal destino a Argentina e Alemanha, e a exposição ao mercado norte-americano é irrelevante, o que, ao menos, minimiza as preocupações atreladas à imposição de tarifas de importação por lá.”

No segmento de mineração, as vendas mais que dobraram quando comparado ao mesmo período do ano anterior, o principal motivo, destacado pela Coinvalores, foi a alta nos preços da commodity e na cotação do dólar.

Com isso, a corretora segue com percepção positiva para a Usiminas, uma vez que a empresa irá se beneficiar positivamente da recuperação no consumo e dos melhores preços do aço em âmbito global no curto prazo. Tendo em vista a atual precificação de seus ativos, por ora, a Coinvalores segue recomendando apenas manutenção do ativo em carteiras diversificadas. O preço-alvo do papel foi mantido em revisão.

Deixe um comentário