Bom dia, Investidor! 08 de maio de 2018

LinkedIn

Esse é o Bom Dia, Investidor, com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Para saber o que aconteceu ontem após o fechamento do mercado, confira o nosso Boa noite, Investidor!

Pré Market

A terça-feira começa agitada no mercado financeiro, com os dados positivos da balança comercial da China em abril dividindo as atenções com o tom discreto do presidente do Federal Reserve, Jerome Powell. Mas nem o indicador nem o evento econômico é capaz de definir um rumo para os negócios no exterior, pois  é a decisão de Donald Trump em relação ao Irã (15h) que concentra as atenções dos investidores. Logo mais, no Brasil, tem o balanço da Petrobras referente aos três primeiros meses deste ano, agitando o pregão local.

Lá fora, os índices futuros das bolsas de Nova York não exibem uma direção única, após Powell falhar em dar pistas sobre os próximos passos do Fed em relação aos juros norte-americanos. Em discurso nesta manhã, ele tratou de amenizar os riscos às economias emergentes vindos da normalização monetária nos Estados Unidos, que não atrairia, necessariamente, recursos aplicados em outros países de modo desenfreado. Segundo ele, o principal é não haver surpresas na condução do processo.

No entanto, a rupia da Indonésia e a lira turca seguem pressionadas. Nas demais bolsas, a maioria das praças europeias estão no negativo, apesar de uma sessão positiva na Ásia. O destaque no outro lado do mundo ficou com as altas expressivas nas bolsas de Hong Kong (+1,3%) e Xangai (+0,8%), reagindo ao retorno da China ao superávit comercial. Em abril, o saldo das relações comerciais do país com o mundo ficou positivo em US$ 28,78 bilhões, acima da previsão de alta de US$ 27,5 bilhões.

Em termos dolarizados, as exportações chinesas cresceram 12,9% no mês passado, em relação a um ano antes, após recuarem 2,7% em março, ante previsão de alta de 7,5%. Já as importações subiram 21,5%, em base anual, ganhando ritmo frente ao aumento de 14,4% no mês anterior e também ficando acima do esperado (+15,5%). Considerando-se apenas o resultado comercial com os EUA, o superávit chinês cresceu 43,8%, a US$ 22,19 bilhões.

Leia: Pré-Market: Nem China, nem Fed. Atenção do mercado é no Irã

Destaques Corporativos

Petrobras (BOV:PETR4): A Petrobras reportou lucro líquido de R$ 6,9 bilhões durante o primeiro trimestre de 2018, alta de 57% em relação ao primeiro trimestre do ano anterior, que a companhia registrou lucro líquido de R$ 4,4 bilhões.

Energisa (BOV:EGIE3): A Energisa desistiu de disputar o controle acionário da Eletropaulo. A informação foi divulgada na noite desta segunda-feira (7). Segundo a empresa, o motivo da desistência foi por “prudência financeira”, já que os níveis das ofertas concorrentes ultrapassam o que o grupo entende “ser razoável”.

Prumo Logística (BOV:PRML3): A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) aprovou o cancelamento do registro da Prumo Logística. Dessa forma, a Prumo passa a ser uma companhia de capital fechado e as ações de sua emissão deixarão de estar listadas para negociação na B3.

Magazine Luiza (BOV:MGLU3): O Magazine Luiza reportou lucro líquido de R$ 147,5 milhões no 1T18, resultado 151,8% quando comparado ao resultado obtido no mesmo período do ano anterior.

Locamérica (BOV:LCAM3): O lucro líquido da Locamerica atingiu R$ 21 milhões no primeiro trimestre de 2018.

Marcopolo (BOV:POMO4): A Marcopolo registrou lucro líquido de R$ 30,9 milhões no primeiro trimestre de 2018. Segundo a empresa, o crescimento foi de 865,6% em frente ao resultado obtido no mesmo período do ano anterior.

Triunfo Participações (BOV:TPIS3): A Triunfo Participações protocolou nesta segunda-feira (7) o pedido de recuperação judicial do Aeroporto de Viracopos, em Campinas, São Paulo. Com dívidas beirando os R$ 3 bilhões, a Triunfo destaca que a recuperação judicial visa preservar os ativos, além de impedir a falência da empresa.

Petrobras (BOV:PETR4): A Petrobras informou nesta terça-feira (8) que pagará R$ 652,2 milhões sob a forma de juros sobre capital próprio. Segundo a empresa, o pagamento está previsto para acontecer no dia 25 de maio.

Recomendações de Ativos

(BOV:BRML3): O Bradesco BBI rebaixou a recomendação da ação para neutra, com preço alvo reduzido para R$ 13.

(BOV:SMLS3): O BTG Pactual reiterou a recomendação de compra no papel. Segundo a equipe de análise, a Smiles apresenta um múltiplo atrativo, além de geração de caixa sólida e potenciais ganhos por melhor alocação de capital ou futuras fusões.

Notícias

IGP-DI: Segundo dados publicados nesta terça-feira (8) pela Fundação Getulio Vargas (FGV), o Índice Geral de Preços-Disponibilidade Interna avançou 0,93% durante o mês de abril. A porcentagem representa um crescimento superior ao obtido no mês anterior, que foi de 0,56%.

Minério de Ferro: Os contratos futuros do minério de ferro, negociados na bolsa de Dalian, na China, encerraram a jornada desta terça-feira com alta de 1,49% a 476 iuanes por tonelada.

Agenda Econômica

CapturadeTela2018-05-08às09.17.29

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.