Bom dia, Investidor! 29 de maio de 2018

LinkedIn

Esse é o Bom Dia, Investidor, com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir! 

Para saber o que aconteceu ontem após o fechamento do mercado, confira o nosso Boa noite, Investidor!

Pré Market

O Brasil entra no nono dia de paralisação dos caminhoneiros, que mesmo após a redução de R$ 0,46 no litro do diesel, querem mais. Questões que surgem depois dos bloqueios de estradas – como a queda no preço da gasolina e também do presidente Michel Temer – mantêm o desabastecimento no país. Enquanto isso, o governo pressiona para acabar com o movimento.

Em meio à greve e aos transtornos, a Petrobras realiza uma teleconferência com investidores (14h) para tratar a crise que reduziu o valor de mercado da companhia em quase R$ 130 bilhões. As ações da petrolífera despencaram mais de 14% ontem e provocaram a maior queda da Bolsa brasileira desde o episódio envolvendo a JBS, zerando os ganhos de 2018.

O dólar, por sua vez, içou ao patamar de R$ 3,70, no maior nível desde o fim do ano passado. Há suspeitas de que a teleconferência da estatal seja para tratar dos rumores sobre a saída do presidente Pedro Parente. Talvez a empresa dê novos esclarecimentos sobre a política de preços, pois há cinco dias a gasolina cai nas refinarias, enquanto o diesel está congelado.

Em atos e interdições de rodovias pelo país, o movimento que envolve os caminhoneiros questiona, entre outros assuntos, a escalada nos preços dos combustíveis. Tal reivindicação também entra na pauta dos petroleiros, que buscam apoio popular para a pausa de 72 horas a partir de amanhã, o que pode piorar o fornecimento de combustível no país.

Nesse cenário, o mercado financeiro ainda tenta se recompor do baque sofrido ao longo deste mês, mas é difícil medir os impactos sofridos desde o revés vindo da decisão do Banco Central de não cortar a taxa básica de juros (Selic) até os efeitos na atividade e na inflação com os sucessivos dias de paralisação dos caminhoneiros. E uma nova greve vem aí.

Leia: Pré-Market: A greve continua?

Destaques Corporativos

Petrobras (BOV:PETR4): Em comunicado enviado ao mercado na manhã desta terça-feira (29), a Petrobras informou que iniciará hoje o pagamento de juros sobre capital próprio. O valor distribuído, no montante de R$ 652,2 milhões, corresponde a um valor bruto de R$ 0,05 por ação ordinária ou preferencial, com base na posição acionária do dia 21 de maio.

Arezzo&Co (BOV:ARZZ3): A Arezzo finalizou o contrato de prestação de serviços com o BTG Pactual Corretora. A função do banco será de formador de mercado das ações ordinárias da companhia. Segundo a Arezzo, o principal objetivo com a contratação é fomentar a liquidez das ações de emissão da companhia.

Light (BOV:LIGT3): A Light informou ao mercado que iniciará nesta quarta-feira (30), o pagamento de seus dividendos deliberados. O montante total corresponde ao valor de R$ 29.502.455,38, que representam R$ 0,14 por ação. O benefício terá como base a posição acionária do dia 27 de abril.

Oi (BOV:OIBR4): A Oi registrou lucro líquido contábil de R$ 30,5 bilhões no primeiro trimestre de 2018. Segundo a empresa, o lucro líquido foi reflexo da aprovação do plano de recuperação judicial, que reduziu sua dívida em mais de R$ 36 bilhões.

Gerdau (BOV:GGBR4): Em comunicado, a Gerdau informou ao mercado que a paralisação dos caminhoneiros está começando a impactar negativamente na sua produção e no transporte de insumos e produtos. As operações da empresa fora do Brasil estão funcionando normalmente.

(BOV:USIM5) (BOV:GGBR4) (BOV:CSNA3): O setor de siderurgia foi um dos mais afetados pelo mercado financeiro neste período de greve. Com a dificuldade de entrega de produtos e entrega de insumos, a CSN, Gerdau e Usiminas estão acumulando perda de mais de R$ 9 bilhões em valor de mercado.

Recomendação de Ativos 

Ecorodovias (BOV:ECOR3): A equipe de analise do Itaú BBA rebaixou o preço-alvo da Ecorodovias, passando de R$ 12,2 para R$ 8,6. A recomendação outperform foi mantida.

Cielo (BOV:CIEL3): O banco UBS reiterou a recomendação de compra no papel ON da Cielo.

Petrobras (BOV:PETR4): O Itaú BBA optou por retirar o papel da Petrobras da lista “Brazil Buy” e substituiu o ativo com o papel ON da Copasa (BOV:CSMG3).

Cemig (BOV:CMIG4): A equipe do Bradesco BBI manteve a recomendação outperform para o ativo, com preço-alvo de R$ 12.

Agenda Econômica

CapturadeTela2018-05-29às09.06.59

Deixe um comentário