Bovespa amplia após manter baixa por 4 pregões

LinkedIn

O Ibovespa apresentou sinal positivo nesta terça-feira (29), após registrar as mínimas nas últimas sessões, na medida que o mercado ainda segue temeroso diante a greve dos caminhoneiros.

Histórico

O indicador teve alta de 0,95%, cotado a 76.071,98 pontos. Os papéis da Petrobras (PETR4) aumentaram 14,1%, os da Usiminas (USIM5) ampliaram 2,5% e os do Banco do Brasil (BBAS3elevaram 2,3%.

Após 20 pregões em maio, o índice desvalorizou 11,66%. Houve 7 fechamentos positivos contra 13 negativos. Em abril, o indicador fechou com 86.115,50 pontos.

Já no comparativo com 2017, após 101 pregões, o Ibovespa recuou 0,43%. Já foram 52 fechamentos positivos contra 49 negativos. Ano passado, o índice fechou com 76.402,08 pontos.

Influências

Os papéis da Petrobras voltaram a subir nesta terça-feira após a queda de 14% sofrido no dia anterior. A positividade ocorre após Pedro Parente, presidente da estatal, revelar ao investidores em uma teleconferência que apesar de ajustes, a petroleira seguirá com sua política de preços.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.