Eletrobras recua com queda de 96% do lucro líquido no primeiro trimestre

Google+ LinkedIn

Investing.com – Em dia que é positivo para a grande maioria das companhias que fazem parte do Ibovespa, as ações da Eletrobras (BOV:ELET6) operam em queda de 1,15% a R$ 21,51 para a PNB e de 1,01% a R$ 18,62 para as ON. Os investidores reagem negativamente ao balanço da companhia divulgado na noite de ontem.

Eletrobras registrou lucro líquido de R$ 56 milhões no primeiro trimestre, resultado 96% inferior ao lucro de R$ 1,378 bilhão obtido no mesmo período do ano passado, em meio a perdas bilionárias no segmento de distribuição de energia e maiores provisões.

A companhia, que pretende vender suas seis distribuidoras de energia até o final de julho, em um leilão de privatização ainda não agendado, reportou um lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) de R$ 1,244 bilhão no trimestre, recuo de 70% na base anual.

Só o segmento de distribuição teve um resultado líquido negativo de R$ 1,91 bilhão no período, com destaque para o prejuízo da controlada que responde pelo fornecimento no Amazonas, com perdas de R$ 1,339 bilhão, de acordo com a estatal.

A Eletrobras registrou R$ 2,72 milhões em provisão e despesas com seu Plano de Demissão Consensual (PDC) e R$ 512 milhões em provisões para contingências, além de R$ 174 milhões em provisões de impairment e uma provisão de R$ 150 milhões associada a uma taxa de fiscalização de recursos hídricos (taxa Pará).

A dívida líquida da Eletrobras fechou março deste ano em 18,6 bilhões de reais, contra 20,3 bilhões de reais no final de 2017.

Com Reuters.

http://br.investing.com é o principal portal financeiro que oferece cotações em tempo real, gráficos streaming, notícias financeiras atualizadas, análises técnicas e mais.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.