Pouco dinheiro para aplicar? Veja as opções mais lucrativas na Renda Fixa

Google+ LinkedIn

“A principal vantagem do tesouro é que oferece uma boa margem de rentabilidade para quem não conseguiria condições tão atraentes em outras opções de renda fixa no mercado financeiro”, explica o consultor financeiro Reinaldo Domingos, presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin).

Queda na Selic acena para desafio grande de encontrar boas opções de aplicação na renda fixa. O desafio é maior para quem tem pouco dinheiro para aplicar, e portanto dispõe de opções menos rentáveis nos bancos e nas corretoras. Confira abaixo as melhores aplicações no médio e longo prazos para quem pode dispor de diferentes faixas de valores, considerando a atual Taxa Básica de Juros em 6,5% ao ano.


 R$ 20 mil

Quem tem valores relativamente baixos para aplicar tem possibilidade de encontrar juros atraentes em títulos do tesouro. A grande vantagem desta aplicação é remunerar no mesmo percentual todos os perfis de investidores, do menos ao mais endinheirado. Há aplicações a partir de R$ 32.

Além de papéis ligados à Selic futura, os títulos de tesouro também oferecem rentabilidade atrelada às taxas de inflação e a taxas pré-fixadas, conforme a Selic atual. Outra vantagem é que os custos de negociação e custódia são baixíssimos.

Exemplo com aplicação de R$ 20 mil:

Tesouro Pré-Fixado 2021 (investimento mínimo de R$ 32,24, rendimento de 8,72% ao ano);

Valor líquido acumulado em 36 meses (até vencimento): R$ 24.504.


 R$ 50 mil

Quem dispõe de R$ 50 mil já começa a encontrar nos bancos e corretoras opções de Letras de Crédito Imobiliário (LCI) e Letras de Crédito Agrícola (LCA) mais atraentes, que remuneram em um percentual mais próximo do Certificado de Depósito Interbancário (CDI), que segue a Selic.

“A aplicação mínima é comum em LCI e LCA, e às vezes pode ser alto e impeditivo para boa parte dos pequenos investidores”, explica Ramiro Ferreira, gestor de carteiras do Clube de Valor. “Portanto, para escolher a melhor LCI ou LCA é preciso estar atento às condições de investimento e também à liquidez”, explica ele.

Durante o prazo de carência, o investidor não conseguirá resgatar o dinheiro sem perder rentabilidade. Depois desse período, o título passa a ter liquidez diária. Vale lembrar que as LCIs e LCAs têm como principal atrativo a isenção do Imposto de Renda e IOF.

Exemplo com aplicação de R$ 50 mil:

LCI do Bradesco (Aporte mínimo de R$ 50 mil, rentabilidade de 85% de CDI, Carência de 90 dias);

Valor líquido após 24 meses: R$ 55.652;

Valor líquido após 36 meses: R$ 58.713.


 R$ 100 mil

Investidores com R$ 100 mil para alocar encontram boas opções de fundos DI em bancos e corretoras, com uma rentabilidade geralmente superior às demais opções de renda fixa, e taxas de administração e performance mais baixas do que as oferecidas para quem tem menos dinheiro. Enquanto as taxas de administração partem de 1,3% e vão até 4% ao ano para fundos com investimento mínimo de R$ 1 mil, para as aplicações mínimas a partir de R$ 100 mil elas variam de 0,35% a 1,4% ao ano.

“O investidor precisa avaliar bem a taxa de administração antes de aplicar seu capital para não perder ou comprometer seus ganhos futuros”, afirma Tatiana Mallmann, especialista em planejamento financeiro da London Capital.

Mas atenção: os valores aplicados em fundos de investimentos não estão cobertos pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

Exemplo com aplicação de R$ 100 mil:

Caixa Fic Sigma DI (Aplicação mínima de R$ 100 mil, taxa de administração de 0,35% ao ano. Remunera 93,9% do CDI);

Valor líquido acumulado em 24 meses: R$ 109.779;

Valor líquido acumulado em 36 meses: R$ 115.146.

O portal Acionista.com.br foi criado em dezembro de 2000 com o objetivo de implementar uma forma moderna de relacionamento corporativo, integrando dados, conteúdos, produtos e serviços a pessoas e empresas com interesses afins, atendendo a necessidade de informações confiáveis do usuário. Vários colaboradores, colocam a serviço do Acionista.com.br e seus usuários sua experiência, você poderá contatá-los diretamente, a qualquer momento, para informações adicionais e dúvidas.
Acesse: http://www.acionista.com.br/

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.