Confira as carteiras recomendadas da Spinelli para julho

LinkedIn

Em relatório, a corretora Spinelli divulgou suas principais escolhas de ativos para o mês de julho. Durante o mês que passou, a carteira Top 10 da Spinelli e o índice Ibovespa seguiram na mesma direção de rentabilidade positiva. Entretanto, o índice registrou rentabilidade 1,1% superior ao portfólio mensal da corretora, encerrando o período em 5,2% — enquanto a carteira Top 10 fechou o primeiro trimestre em 4,2%.

De acordo com a equipe, para manter o nível de rentabilidade igual ou superior ao Ibovespa, a corretora optou por não realizar muitas alterações em seu portfólio. Retirando apenas os ativos da Queiroz Galvão (BOV:QGEP3) e Carrefour (BOV:CRFB3), para dar lugar aos papéis da Eletrobras (BOV:ELET6) e Gerdau (BOV:GGBR4).

Para a ELET6a corretora acredita que o cenário político em volta da companhia pode caminhar por um momento de reversão positivo, uma vez que a maioria das notícias circulando sobre a empresa possuem viés positivo. Com relação a GGBR4a Spinelli afirma que durante os últimos meses, a companhia sofreu penalização excessiva no preço das ações e a equipe acredita em um “upside” interessante para o ativo.

Assim, a Carteira Top 10 de julho da Spinelli passa a ser composta pelos ativos da Petrobras (BOV:PETR4), Itaúsa (BOV:ITSA4), Weg (BOV:WEGE3), Gerdau (BOV:GGBR4), Vale (BOV:VALE3), Ecorodovias (BOV:ECOR3), Transmissão Paulista (BOV:TRPL4), BRF (BOV:BRFS3), Eletrobras (BOV:ELET6) e B3 (BOV:B3SA3).

O portfólio mensal da Spinelli é composto por 10 ativos, cada um com peso igual de 10%.

Com relação as carteiras de Small Caps e Dividendos, a corretora realizou apenas uma modificação, ao retirar a Direcional (BOV:DIRR3) da carteira Small Caps e substituí-la pela Camil (BOV:CAML3). De acordo com a equipe, essa alteração reflete uma piora com relação ao setor de construção (aumento da taxa de juros e retração das expectativas de crescimento). Já na carteira de dividendos, a Spinelli retirou o ativo da AES Tietê (BOV:TIET11) e deu lugar ao papel do Banrisul (BOV:BRSR3).

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.