AES Tietê também divulga balanço hoje; XP espera impacto da baixa hidrologia

LinkedIn

Investing.com – A AES Tietê (BOV:TIET11) é mais uma companhia do setor elétrico a divulgar os números do segundo trimestre do ano, com o consenso do mercado apontando para lucro líquido por ação de R$ 0,08, contra R$ 0,03 dos três primeiros meses do ano. Na comparação com o mesmo trimestre do ano passado, o lucro foi de R$ 0,04.

Em relação às receitas, o mercado espera um total de R$ 496,56 milhões no período, representando alta em relação aos R$ 430 milhões de três meses antes. Já entre abril e junho de 2017, as receitas foram de R$ 399,4 milhões.

A XP Investimentos aposta em receitas de R$ 402 milhões para a distribuidora, o que representando estabilidade na comparação com os mesmos números do ano passado, quando foram de R$ 399 milhões. Nos três primeiros meses de 2018, as receitas foram de R$ 430 milhões.

O lucro líquido deve ficar em R$ 92 milhões, também estável em relação aos três primeiros meses do ano, e alta de 68,4% na comparação com o mesmo período ano passado.

Os analistas esperam impacto da baixa hidrologia na geração balanceado por menor contratação de energia e resultados de usinas eólicas. Eles destacam o impacto nos resultados do complexo eólico Alto Sertão II na base trimestral devido à sazonalidade de tal fonte de energia.

Na visão dos analistas da Coinvalores, a AES Tietê deve divulgar bom desempenho. Apesar da hidrologia ainda adversa, a Tietê deve apresentar números mais resilientes neste trimestre, por questões como a sazonalização de seus contratos de venda de energia e a incorporação de ativos de geração eólica.

O EBITDA deve avançar cerca de 25% na comparação anual, com ganho de 4 p.p. na margem EBITDA, segundo a média das estimativas.

Deixe um comentário