Gerdau vende ativos na Índia por R$ 485 milhões

LinkedIn

O conselho de administração da Gerdau (BOV:GGBR4) aprovou a venda da Gerdau Stell India por R$  120 milhões, ou cerca de R$ 485 milhões de reais, o que deve ter impacto positivo nas ações da companhia, segundo a consultoria Levante.

A empresa já vendeu ativos no valor de R$ 6,5 bilhões últimos quatro anos e já havia vendido o negócio de aços especiais na Espanha e participações em vergalhões, fiomáquinas e hidrelétricas nos EUA. O objetivo é focar no Brasil e nos EUA com margens mais interessantes e reduzir o nível de endividamento. A ação PN da Gerdau está em alta de 0,14% na B3, enquanto o Índice Bovespa recua 0,41%, para 77.612 pontos.

O endividamento líquido da companhia atingiu o seu pico em setembro de 2015, com R$ 20,84 bilhões. No fim de junho, foi reduzido para R$ 15,17 bilhões, o que equivale a uma relação de 2,7 vezes o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda). Com a venda de ativos na Índia, o endividamento líquido deve ser reduzido para R$ 10 bilhões e a relação dívida líquida/Ebitda para 1,5 vezes no fim deste ano.

Para a Levante, o movimento de venda de ativos, com foco nos ativos de melhor margem e a redução do endividamento, é positivo pois torna a empresa mais eficiente.

Já a corretora Guide Investimentos vê a medida reforçando a estratégia de reavaliação dos seus ativos, visando focar os esforços nos que geram maior rentabilidade. A otimização da carteira de ativos, somada à expectativa de geração de caixa mais forte para os próximos trimestres, devem contribuir para a redução da alavancagem financeira da empresa, de uma dívida líquida equivalente a 2,7 vezes o Ebitda no trimestre passado para 2,5 vezes nos próximos trimestres.

“Observamos que a administração vem entregando os resultados esperados quando analisamos o processo de vendas de ativos”, diz a corretora em relatório. “Assim, a Gerdau está mais preparada para focar em ativos de maior retorno, desalavancagem financeira e otimização de seus negócios”, acrescenta.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.