Petrobras: Planner recomenda compra, com preço-justo de R$ 24,50

LinkedIn

Planner Corretora revisou suas estimativas para a Petrobras (BOV:PETR4) e reduziu o preço-justo de R$ 25,50 para R$ 24,50 por ação, mantendo a recomendação de compra.

No documento, a corretora destaca que a Petrobras tem sofrido com a redução da produção e das vendas, mas mesmo assim obteve bons resultados nos últimos trimestres, beneficiando-se da alta dos preços do petróleo e dos derivados.

“Esperamos que a instalação de novas plataformas, a manutenção da política de preços e os desinvestimentos, permitam que os lucros continuem crescendo. No entanto, os riscos derivados das eleições presidenciais e a turbulência dos mercados emergentes, devem manter as ações da Petrobras muito voláteis nos próximos meses”, afirmam os analistas.

A empresa obteve um bom resultado no primeiro trimestre de 2018, com aumento de receita e margens mesmo com a redução nas vendas. Isso ocorreu devido ao aumento expressivo (23%) dos preços no mercado interno, em consequência da alta de 36,2% na cotação média do Brent. De acordo com a Planner, as eleições presidenciais que acontecerão durante o mies de outubro, vão definir as diretrizes da empresa nos próximos anos.

Deixe um comentário