Terminal do Porto de Santos é leiloado por R$ 210 milhões

LinkedIn

A Empresa Brasileira de Terminais e Armazéns Gerais venceu, com oferta de R$ 210 milhões, o leilão de terminal do Porto de Santos, no litoral paulista, promovido hoje (10) pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) na B3, a Bolsa de Valores de São Paulo. Participaram também a Granel Química e a Cattalini Terminais Marítimos.

A área, localizada no terminal da Ilha de Barnabé, na margem esquerda do Porto de Santos, tem seis terminais dedicados à movimentação de granéis líquidos (exceto sucos cítricos), por meio de três berços de atracação. O local está sob jurisdição da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp).

Outra área, localizada no Porto de Santana (AP), não recebeu ofertas. No local ocorre a movimentação e armazenagem de granéis sólidos de origem vegetal, especialmente cavaco de madeira.

Leilão

O leilão começou com a abertura dos envelopes às 10h20. A Empresa Brasileira de Terminais e Armazéns Gerais ofereceu, inicialmente, R$ 200 milhões. A Granel Química ofertou R$ 142 milhões e a Cattalini Terminais Marítimos propôs R$ 20 milhões. Por ter mais de uma proposta válida, o leilão seguiu para o viva-voz, que terminou com a vitória da Empresa Brasileira de Terminais e Armazéns Gerais e a proposta de R$ 210 milhões.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.