China continua a mostrar sinais de desaceleração econômica; eleições norte-americanas

Google+ LinkedIn

Atividade econômica chinesa continua a mostrar sinais de desaceleração. O índice de atividade dos gerentes de compras (PMI) do setor de serviços apresentou uma queda mensal de 2,3 pontos em outubro. A quantidade de novos pedidos teve um forte impacto na queda do índice, representando um grave efeito da guerra comercial.

Atividade econômica

A divulgação aquém do esperado pelo mercado (52,9 pontos) se soma à desaceleração deste mês na atividade do setor manufatureiro, que retraiu de 50,8 pontos para 50,6 pontos. O desempenho combinado destes setores certamente traz preocupações adicionais aos agentes econômicos globais, devido à importância econômica da China.

Mercados acionários

O inicio de negócios nos mercados acionários internacionais foi negativo. As bolsas asiáticas registraram quedas, reflexo do pessimismo em torno dos dados econômicos chineses. O dia é de valorização na Europa e nos Estados Unidos, os índices futuros dão sinais mistos. As eleições norte-americanas terão grande impacto nos negócios ao longo desta semana. Há estimativas de que os democratas se tornem a maioria na Câmara, enquanto isso, os republicanos devem reter o poder no Senado. Vale lembrar que uma maioria democrata na Câmara representa uma oposição mais forte ao governo Trump, impondo desafios ao seu mandato. Isso cria um sentimento de cautela em Wall Street, em plena safra de balanços corporativos.

No Brasil, a bolsa opera em alta devido ao ajuste de sexta-feira, quando não houve negócios em vista do feriado. Por ora, o índice Bovespa ignora o exterior e se adequa ao novo horário. Enquanto o mercado aguarda a ata do Copom (terça-feira) e IPCA (quarta-feira), os contratos de DI mais longos têm leve alta, assim como o dólar, cotado a R$ 3,70 (+0,2%).

Expectativas dos agentes

Além das eleições norte-americanas, a divulgação de balanços relativos ao terceiro trimestre serão destaque nos EUA. Os lucros corporativos vieram além do esperado para 82% das empresas (61% considerando as receitas). Atenção também ao índice de atividade dos gerentes de compras (PMI) serviços dos EUA.

Balanços de grande importância: Marriot International, Avis Budget, Ferrari, etc. No Brasil: BR Distribuidora, Magazine Luiza, etc.

Economista pela FEA-USP, mestre pela EESP-FGV, CNPI, tem 30 anos de experiência no mercado financeiro, tendo passado por diversas instituições financeiras, tanto como gestor de investimentos como Economista e Analista. Hoje é economista e analista da NOVA FUTURA CTVM.
http://pepasilveira.blogspot.com.br/

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.