Kroton lucra quase 17% menos no 3º tri com queda em receita, maiores despesas e depreciação

LinkedIn

A Kroton Educacional (BOV:KROT3) registrou uma queda de 16,9% no lucro líquido ajustado do terceiro trimestre ante igual período de 2017, para R$ 440,4 milhões, pressionada pelo aumento dos níveis de depreciação derivado dos investimentos maiores, bem como por queda na receita e despesas mais altas.

Sem considerar itens não recorrentes, a amortização do intangível e efeito líquido da emissão de debêntures, o lucro líquido caiu 22,9%, para R$ 347,8 milhões no terceiro trimestre na comparação anual, de acordo com balanço divulgado nesta sexta-feira.

O desempenho operacional medido pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado recuou 7,2%, para R$ 535,4 milhões. Sem ajustes, o Ebitda caiu 13,4%, para R$ 471,2 milhões.

“A redução de rentabilidade verificada neste ano é consequência das pressões oriundas da mudança no perfil dos alunos na base, com um maior nível de provisionamento para suportar os produtos de parcelamento, além da manutenção de um ambiente econômico desafiador e do aumento de custos e despesas referentes às novas unidades”, informou a Kroton no balanço.

Mesmo assim, o maior grupo de ensino superior do país reforçou a expectativa de que o resultado do ano ficará em linha com as previsões (guidance).

Deixe um comentário