Mercados receosos com G-20; PIB brasileiro e dados chineses

LinkedIn

PIB brasileiro avançou em linha com as expectativas do mercado. Neste terceiro trimestre, o Produto Interno Bruto (PIB) registrou variação de 0,8% na comparação trimestral e 1,3% na comparação com o mesmo trimestre do ano anterior. Em valores correntes, o PIB atingiu R$1,716 trilhão.

Atividade econômica

Pela ótica da produção, a contribuição dos setores foi a seguinte: Agropecuária (0,7%), Indústria (0,4%) e Serviços (0,5%). Já pela ótica da demanda: Despesa de consumo das famílias (0,6%), Despesa de consumo do governo (0,3%), FBCF (6,6%), Exportação de bens e serviços (6,7%) e Importação de bens e serviços (-10,2%).

Atividade econômica chinesa continua desacelerando. O índice de atividade dos gerentes de compras (PMI) industrial da China registrou nova queda mensal, atingindo desta vez o patamar de 50,0 pontos — considerado neutro, visto que abaixo deste nível há retração da atividade econômica, por outro lado, acima há expansão da atividade econômica. Veja abaixo:

Mercados acionários

Os mercados acionários internacionais estão em queda nesta sexta-feira, contaminados pelo ceticismo dos agentes econômicos, horas antes da reunião do G-20 na Argentina. A reunião marcará o encontro entre D. Trump e Xi Jiping, o que pode definir o rumo das relações comerciais das duas maiores potencias econômicas do mundo. Há uma pressão baixista adicional devido aos indicadores econômicos da China, que desapontaram e se refletiram em baixas em diversos setores da economia, como o automotivo.

Os índices futuros dos EUA registram quedas de aproximadamente 0,5%. Na Europa, as bolsas operam em campo negativo. Na Ásia, o fechamento foi o índice composto da região apresentou um recuo, embora o fechamento de Tóquio e Xangai tenham sido positivos. O cenário doméstico se alinhou ao mercado internacional, e o Ibovespa recua. A tendência do dólar no mercado internacional é de alta. Já o mercado internacional de juros segue em tendência de baixa.

Expectativas dos agentes

O foco dos investidores será a reunião do G-20. Antes disso, a agenda econômica contem o PMI de Chicago às 12h45, além da contagem de plataformas de extração de petróleo e gás em território norte-americano às 16h00. Ademais, Williams, dirigente do Fed com direito a voto, discursará às 12h00.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.