BR Distribuidora abre em alta após divulgar crescimento de 202,3% no 4T18

LinkedIn

A BR Distribuidora (BOV:BRDT3), empresa controlada pela Petrobras, registrou lucro líquido de R$ 1,6 bilhão no quatro trimestre de 2018, crescimento de 202,3% quando comparado ao mesmo período do ano anterior.

As informações constam no balanço divulgado pela empresa nesta terça-feira, 26.

No acumulado do ano passado, o lucro líquido da companhia somou R$ 3,1 bilhões, um aumento de 177,4% sobre 2016.

A geração de caixa medida pelo Ebitda ajustado (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) caiu 26,8% na comparação anual no quarto trimestre, para 646 milhões de reais. No ano de 2018, o Ebitda recuou 16,6%, para R$ 2,558 bilhões.

Expectativa de privatização

A equipe de análise do Morgan Stanley acredita que a expectativa de privatização da empresa tem contribuído para um momento positivo para as ações da companhia, que registraram crescimento de 40% nos últimos meses e apresentaram um desempenho bem superior ao de seus concorrentes, como a Ultrapar (UGPA3), que subiu 25% no mesmo período.

Para os analistas, a privatização sozinha adicionaria R$ 7 por ação em um cenário base, levando o papel para os R$ 33 — um potencial de valorização de 34%. Além disso, tal contexto contribuiria para uma redução de custo de capital da companhia, possibilitando um negócio mais eficiente e rentável e levando a um aumento de R$ 4,50 por ação.

Dessa forma, a equipe do Morgan Stanley optou por elevar o preço-alvo de R$ 23 para R$ 26, com recomendação neutra.

Após divulgar os resultados, o papel iniciou a sessão desta terça-feira com valorização de 1,67% a R$ 24,93.

*Com InfoMoney

Deixe um comentário