Construtora Tenda propõe desdobramento de ações

LinkedIn

O conselho de administração da construtora Tenda (BOV:TEND3), em reunião realizada nesta segunda, 11, aprovou a convocação de Assembleia Geral Extraordinária (AGE) para deliberar sobre o desdobramento de suas ações ordinárias.

Segundo a companhia, o desdobramento será na proporção de 1 para 2 ações da mesma espécie, sem modificação do valor do capital social, o qual permanecerá sendo de R$ 1.095.829.378,49, porém dividido em 104.344.246 ações ordinárias, todas nominativas, escriturais e sem valor nominal.

Terão direito ao recebimento das ações advindas do desdobramento os acionistas detentores de ações no dia da realização da AGE.

As ações da Tenda passam a ser negociadas “ex-desdobramento” no dia útil seguinte.

O crédito das ações provenientes do desdobramento será efetuado em quatro dias úteis contados da data de realização da AGE.

As ações advindas do desdobramento participarão em igualdade de condições de todos os benefícios, inclusive dividendos e eventuais remunerações de capital que vierem a ser distribuídos pela companhia a partir do dia útil seguinte à realização da AGE.

“Esta iniciativa tem como objetivo adequar o preço da ação a um patamar mais acessível a todos os investidores, o que pode aumentar a liquidez das ações”, afirmou a Tenda em fato relevante.

Guidance

A Tenda também divulgou suas projeções empresariais (guidance) a serem acompanhadas no exercício de 2019.

Para a Margem Bruta Ajustada, entendida como a razão entre o resultado bruto do exercício (consolidado e deduzido dos encargos financeiros presentes na nota explicativa 12 das demonstrações financeiras) e a receita líquida consolidada do exercício, estima-se uma oscilação entre o mínimo de 34,0% e o máximo de 36,0%.

Para as Vendas Líquidas, definidas como o resultado da subtração entre as vendas brutas do exercício (em R$ milhões) e os distratos realizados do exercício (em R$ milhões), ajustados todos os valores à participação societária da Tenda, estima-se uma oscilação entre o mínimo de R$ 1.950 milhões e o máximo de R$ 2.150 milhões.

Deixe um comentário