JSL confirma planos para IPO da Vamos, locadora de caminhões

LinkedIn

Investing.com – A JSL (BOV:JSLG3) confirmou, por meio de fato relevante, que deve realizar a operação para abertura de capital da Vamos, locadora de caminhões, máquinas e equipamentos, depois de a Coluna do Broad, do Estadão, informar que a companhia estava estruturando o IPO.

A publicação destaca que a JSL busca obter com a operação cerca de R$ 1,3 bilhões e que o Banco do Brasil Investimentos, Santander Brasil, Bradesco, BTG Pactual e Bank of America já foram contratados para coordenar a oferta.

Um dos objetivos da companhia é aproveitar o momento de melhor humor dos mercados, e também números positivos da Vamos do ano passado, para fazer com que a operação seja realizada com sucesso. Um dos sinais desse apetite é que a JSL antecipou a divulgação dos números para esta semana, sendo que estavam previstos para março.

Em novembro do ano passado, já com o IPO no horizonte, a JSL ampliou participação em sua unidade de locação de caminhões e máquinas Vamos, por meio de compra de fatia de cerca de 9 por cento que era detida pela sócia Borgato.

O valor da aquisição da participação foi de cerca de 68 milhões de reais em dinheiro. Os vendedores também receberam 3,2 milhões de ações da empresa de locação de carros Movida, da JSL, e mais 3 milhões de papéis de uma nova empresa não operacional que será incorporada pela JSL.

A companhia acertou em outubro de 2017 um contrato de opção de compra de 100 por cento do grupo Borgato, dentro de sua estratégia de crescimento no segmento de locação e comercialização de veículos e máquinas pesadas.

A coluna indica ainda que a SBF, dona da Centauro, também visa abrir seu capital e levantar cerca de R$ 700 milhões. A rede de varejo de artigos esportivos foi a primeira empresa a puxar a fila das possíveis novas empresas a entrar na bolsa neste ano. A publicação destaca ainda que são esperadas 30 ofertas de ações em 2019, entre IPOS e ofertas secundárias.

Deixe um comentário