Cessão onerosa deve render US$18 bilhões à Petrobras, diz Bloomberg

LinkedIn

De acordo com a Bloomberg, a Petrobras (BOV:PETR4) deve receber pelo menos US$ 18 bilhões em indenizações referentes à renegociação do contrato de cessão onerosa do pré-sal. O valor seria pago parcialmente pela União e parte de possíveis empresas parceiras na área de exploração.

Para a Bloomberg, o governo sustenta que aquelas empresas que participarem do leilão de sobras, marcado para o dia 28 de outubro, terão de compensar a petroleira em pelo menos US$ 9 bilhões por investimentos já feitos na área da cessão onerosa sendo renegociada.

A equipe do Credit Suisse acredita que é muito cedo para criar confiança no valor que a Petrobras pode receber como parte da renegociação dos 5 bilhões de barris originais.

O analista Regis Cardoso, responsável pelo relatório, afirma que “acreditamos que os valores (não confirmados) citados nos artigos de notícias estão sujeitos a alterações até que uma decisão final seja tomada sobre o acordo. Pela mesma razão, também acreditamos que o acordo final demorará mais tempo do que o sugerido no artigo de notícias, e não esperamos um resultado final no curto prazo”.

Por volta das 15h40, as ações PETR4 operavam com valorização de 0,75%, a R$ 29,42. O papel encerrou o pregão da véspera com valorização de 2%.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.