Embraer (EMBR3) registrou prejuízo de R$ 643.57 milhões em 2018

LinkedIn

A companhia Embraer anunciou um prejuízo líquido de R$ 643.57 milhões em 2018, resultado bem inferior ao lucro líquido apurado no ano anterior (R$ 902.29 milhões). Já a receita líquida da companhia diminuiu 0,29% de um ano para o outro, passando de R$ 18.78 bilhões em 2017 para R$ 18.72 bilhões em 2018.

Os ativos totais da empresa Embraer totalizaram R$ 43.76 bilhões em 31 de dezembro de 2018, soma 10,47% maior que o saldo de R$ 39.61 bilhões registrado no encerramento de 2017. Por sua vez, o patrimônio líquido da companhia apresentou aumento de 10,47%, ao compararmos todos os valores contábeis que os seus sócios possuíam no último dia de 2018 (R$ 15.27 bilhões) com o último dia de 2017 (R$ 13.82 bilhões).

Todos estes dados referem-se à consolidação do resultado financeiro da companhia Embraer (BOV:EMBR3) com o resultado financeiro de todas as suas companhias subsidiárias (empresas controladas, de maneira direta ou indireta, pela companhia) relacionadas ao ano de 2018.

Resultado da Embraer no 4º trimestre de 2018

A companhia Embraer anunciou um prejuízo líquido de R$ 73.52 milhões no 4º trimestre de 2018, resultado bem pior que o lucro líquido apurado no mesmo período do ano anterior (R$ 157.49 milhões). Já a receita líquida da companhia aumentou 12,12% de um ano para o outro, passando de R$ 5.69 bilhões no 4º trimestre de 2017 para R$ 6.38 bilhões no 4º trimestre de 2018.

Acesse o balanço financeiro completo desta companhia, clicando aqui. Não deixe de conferir também seus indicadores fundamentalistas, clicando aqui.

Conheça a Embraer

Embraer atua na fabricação de aeronaves comerciais e no fornecimento de aeronaves de defesa para a Força Aérea Brasileira (FAB). A empresa já vendeu aeronaves para as forças armadas da Europa, Ásia e América Latina. Além dos negócios associados a defesa e segurança, a Embraer também possui uma linha dejatos executivos nas categorias entry-level, light, ultra large e medium-light: a família Phenom 100/300, o Lineage 1000 e a família Legacy 450/500, respectivamente.

Usuários ADVFN acompanham, gratuitamente e em tempo real, a cotação de todas as ações negociadas na BM&FBOVESPA através das ferramentas Monitor, Cotação e Gráfico.

Deixe um comentário