Fusão entre Disney e Fox é oficialmente concluída

LinkedIn

A Disney concluiu nesta quarta-feira (20) a compra da 21st Century Fox, a divisão de entretenimento da Fox, pelo valor de US$ 71,3 bilhões após ter recebido o sinal verde dos órgãos reguladores de vários países.

A operação abre caminho para o surgimento da maior empresa de entretenimento do mundo, que terá sob seus cuidados conteúdos como Star Wars, Os Simpsons, Avatar, além dos personagens da Marvel.

A Disney assume todo o departamento de filmes da 21st Century Fox, incluindo a 20th Century Fox, a Fox Searchlight Pictures, a Fox 2000 Pictures, a Fox Family e a Fox Animation; bem como suas unidades de produção para TV, com a Twentieth Century Fox Television, Fox21, FX Productions, National Geographic, Fox Networks Group International, além da Star India e dos ativos da Fox em Hulu, Tata Sky e Endemol Shine Group.

A aquisição e os conteúdos abrem caminho para o lançamento previsto para este ano do serviço de ‘streaming’ da Disney, que se chamará Disney+, e terá a missão de concorrer com a Netflix, a plataforma líder do setor.

“A combinação da riqueza de conteúdos criativos e talentos comprovados da Disney e da 21st Century Fox dará à companhia de entretenimento global uma ótima posição para liderar em uma era incrivelmente dinâmica e transformadora”, disse em comunicado o executivo-chefe de Disney, Bob Iger.

A companhia prometeu aos acionistas uma economia de US$ 2 bilhões até 2021, o que provocará uma demissão em massa que, segundo algumas estimativas, afetará 4 mil trabalhadores. Com a aquisição, a Disney absorve 15,4 mil funcionários da 21st Century Fox.

Apesar da venda da divisão de entretenimento, o até agora proprietário do império Fox, o magnata Rupert Murdoch, manterá a propriedade da Fox News e do Fox Sports 1 (FS1), reunidos sob a Fox Corporation, com foco em notícias e esportes.

No final de 2017, a Disney ofereceu US$ 52,4 bilhões pela operação fechada hoje, mas uma proposta da Comcast à Fox no valor de US$ 65 bilhões obrigou a companhia a elevar a oferta até US$ 71,3 bilhões, o que equivale a US$ 38 por ação.

As condições da operação permitem aos acionistas da 21st Century Fox escolher entre receber US$ 51,57 em dinheiro por ação ou trocar cada título pelo equivalente a 0,45 ação do novo conglomerado Disney.

Por: G1

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.